Objetos Cortantes – 1x08 – Milk (Series Finale)

Por Ana Silvia Soeiro

4 de setembro de 2018

Sem palavras. Eu poderia iniciar e encerrar esta resenha com esta simples frase, mas como minha chefa não deixa, assim como Camille, precisarei contar minas impressões sobre o último episódio de Objetos Cortantes.

Com a ajuda de Richard, que mesmo magoado, no episódio passado, descobriu que Adora teve uma relação importante com a morte da filha mais jovem. Camille ouve da boca de Jackie que sim, sua mãe é a responsável pela morte da querida irmã. Num rompante de fúria, ela decide contar tudo à única pessoa que tem um papel importante em sua vida: o editor Frank e a esposa dele. Mais do que isso, Camille precisa salvar Amma.

O jantar na casa dos Crellin está servido e é acompanhado do mais “suculento” leite que Camille já bebeu, daí o título do episódio. Adora sofre de Síndrome de Münchausen por Procuração, disto já sabíamos e agora precisa cuidar de sua “filhinha” caçula. Mas, como eu dizia, Camille resolve se oferecer no lugar de Amma e pede socorro para Adora, que pela primeira vez desde a infância, enxerga a oportunidade de oferecer seus “cuidados intensivos” para a filha. Envenenadas, as duas estão à mercê de dois sádicos doentes mentais, eu sempre suspeitei que Alan seria o assassino e de certa forma, acertei, pois ele compactua das atitudes da esposa.

Camille tenta salvar pelo menos Amma, mas a meia-irmã não consegue pedir socorro e não fosse por Frank, jamais teríamos tido um final “decente”, não me atrevo a dizer “feliz” para a história de Camille e Amma. Richard, ao ver a jornalista despida, se desculpa por tudo o que pensou dela. Mas, não há mais tempo para os dois. O tempo é de voltar para Saint Louis e reconstruir a vida. Camille precisa cuidar de Amma, e não me espanta que esta vá ver a mãe atrás das grades que é onde ela merece estar.

Até aí “tudo bem”, mas descobrir quem é o verdadeiro serial killer me deixou “petrificada”. Eu já desconfiava e nutria uma antipatia por ela, mas o “Don’t tell mama” foi um “QUE COISA É ESSA?!”. Que baita final de série! Patricia Clarkson e Amy Adams me deixaram estarrecida com suas atuações e tenho certeza que Objetos Cortantes será referência de tudo que é fantástico em termos de drama daqui em diante. Obrigada HBO.
Comentário(s)
0 Comentário(s)