American Horror Story - 8x03 - Forbidden Fruit

Por Ana Silvia Soeiro

27 de setembro de 2018

Vou começar com uma frase que finalizou o episódio: “surprise bitch!”! Realmente, este episódio foi de surpreender a geral. Pelo menos eu fiquei sem fôlego!

Achei interessante e, no mínimo, ousadia dos produtores, logo no terceiro episódio descartar a maioria esmagadora dos personagens principais. Mas se você acompanhou as notícias sobre a série, ouviu que a oitava temporada iria conectar todas as outras, ou grande parte. E depois de sete temporadas o público quer ver algo impactante.

Bem, American Horror Story sabe muito bem como fazer isso. Estava curiosa para ver como o mundo ficou depois do apocalipse e a roupagem de Maze Renner ficou interessante, diferente e mostra muito bem o que o desespero faz às pessoas. Especialmente aos maridos! Que bela vingança o marido da insuportável Coco mostrou em tela.

Michael Langdon está roubando todas as cenas como o Anticristo da série. A esta altura os fãs já devem saber quem ele é, e como ele cresceu bastante depois de algumas temporadas. Venable e Mead acharam que seu plano de usar maçãs para conseguir um passe livre para o Santuário daria certo. Só não contavam que são insignificantes neste tabuleiro, meros peões nas mãos do todo poderoso Langdon. Pelo menos Venable é insignificante, Mead foi programada para proteger Michel e obedecer comandos. Descobrir que ela é um robô só deu mais um plus de esquisitice à série. Como se já não tivesse o suficiente de esquisitices por ali.

Ponto positivo, ou melhor, arrasador para o final. O que foi aquele momento com as meninas mais importantes do clã das bruxas chegando junto com a névoa? UAU! E quem é Mallory afinal de contas? Até mesmo Michael parece temê-la. Teremos uma batalha entre bem e mau? Mal posso esperar pelo próximo episódio, afinal de contas nem ideia do que esperar eu tenho! Ainda bem!
Comentário(s)
0 Comentário(s)