Into The Badlands - 3x01/02/03 - Resumo

Por Alvaro Luiz Matos

21 de maio de 2018

Venho falando já faz algum tempo que Into The Badlands é a melhor série para quem está descompromissado e prefere apenas passar o tempo. Trata-se de uma produção muito superficial, que de temporada a temporada precisa desenvolver novos plots e reposicionar seus personagens para fazer algum sentido. Sem falar, é claro, que ninguém vive de roteiro e o importante aqui é a ação (me deixe avisar que estou sendo irônico).

Se você precisa de tiro, porrada e bomba, venha comigo, pois a terceira temporada começou com tudo e os três primeiros episódios conseguiram criar um ambiente ideal. A guerra culminou, campos de batalha estão espalhados pelas cidades e a Viúva está cada dia mais dona de si, vencendo tudo e a todos. Nathaniel está de volta, agora como líder dos exércitos de nossa ruiva querida e pronto para se vingar de Sunny, enquanto Tilda passou a ser saqueadora e rouba mantimentos para o grupo de exilados (agora governados por Lydia).

Entretanto, a única coisa que pode mover nosso protagonista, em meio a toda essa guerra, é manter seu filho vivo. Portanto é bem lógico que os perigos irão ocorrer sempre em torno da necessidade de proteger a única coisa que lhe importa nesse universo distópico. O personagem é sem carisma, muitas vezes sem expressões, mas ainda move o desejo de encontrar a terra prometida, porém precisamos avisa-lo que os roteiristas conseguiram destruir até mesmo com o sonho de um mundo fantástico.

Se você é fã e procurou essa review para compartilhar o seu amor deve estar pronto para me odiar agora. Afinal, por quê, se falo tão mal de Into The Badlands, estou fazendo esse texto.?Bem, eu não odeio, mas espero que tenha ficado claro que apesar de tanta bagunça e falta de foco, meu tempo é muito bem empregado ao apertar o play e me divertir horrores com as artes marciais e os furos de roteiro.
Mas vamos nos situar melhor sobre onde está cada um nessa história com base no terceiro episódio da temporada.

Bem, Lydia, que estava liderando os refugiados, entrou em acordo com a Viúva para fazer um jogo duplo. Ainda não sabemos das suas reais intenções, mas ficou claro para mim, como crítico, que ao ganhar um escudo, uma nova dinastia está por vir com ideais que não se sucumbem ao poder. Talvez seja ela a mudança nessas terras?

Nathaniel demonstrou um amor oculto pela antiga baronesa e trouxe à tona o pior lado da série. Todos os relacionamentos desenvolvidos aqui acabaram muito mal aproveitados, portanto esteja pronto para se frustrar.

Tilda voltou para casa, e pelo visto vai ser uma serpente criando cobras no ninho da viúva, mas assim como Lydia, os objetivos da nossa principal guerreira ainda não está muito claro. Entretanto sabemos que, aqui, todos querem vingança.

Baji voltou de um jeito muito mal costurado e foi colocado ao lado de Sunny quase que de paraquedas. Uma vez que o protagonista não possui tanto carisma, colocar o personagem mais caricato ao teu lado, faz com que tenhamos um timming cômico muito bom. Aliás, estes, estão apenas imbuídos a cuidar do nosso mais novo guerreiro, já que Sun tem um filho com o mesmo dom de MK.

Em resumo é isso, não tem muito segredo, mas acredito que, assim como nas temporadas anteriores, os primeiros episódios serviram para recontar a história e colocar cada personagem nela. Daqui a diante, esperamos um afunilamento muito maior da série.

E vocês, o que têm esperado?

Comentário(s)
0 Comentário(s)