The Punisher - 1x11 – Danger Close

Por Ana Silvia Soeiro

14 de dezembro de 2017

Descobrir a verdade sobre o antigo amigo conseguiu mexer com Frank, mas ele que se prepare pois mais descobertas horríveis estão a caminho. Falando em descobertas, a família de Micro precisa lidar com o fato de que o carinha simpático que apareceu para ajudar era na verdade um “maluco, psicopata e procurado pela polícia”. Ufa!

Madani tenta “quebrar” Russo, mas definitivamente descobrimos que a esta altura as “definições de psicopata desgraçado foram atualizadas”. Bem, agora ele sabe tudo que Dinah tem em mãos, o que fará com isso?

O título do episódio é bem sugestivo sobre o perigo que está próximo, então, e somente porque isto acontece em séries majoritariamente norte americanas, alguém confia na polícia e a família de Micro (quase toda) acaba caindo em mãos erradas. O plano de Castle? Manda um cara que vivia como ermitão há um ano encontrar com a filha e do resto eu cuido. Bom plano Frank.
 
Eu esperei 10 episódios e 34 minutos para ver a cena que sempre quis: o Justiceiro, uma das duas únicas coisas boas da Marvel, com aquele uniforme barbarizando meio mundo (os bandidos, é claro), valeu a pena? Sinceramente foi bom, mas poderia ser melhor. Que isso Frank? Uma cabeça? O predador fazia bem melhor no Domingo Maior.

Brincadeiras à parte, meus queridos haters de plantão. O episódio foi ótimo, eu gosto de séries que revelam no final a trama toda. Do contrário você fica se perguntando desde o início “porque esse babaca não fez logo isso?”. Justiceiro não é uma série babaca, pelo contrário. A Netflix faz muito bem em tirar o arco íris das telas da Marvel, deixem o Thor lutar nele.
Comentário(s)
0 Comentário(s)