Dynasty - 1x04 - Private as a Circus

Por Rozany Adriany

7 de novembro de 2017

Dynasty segue sendo aquela série que você assiste aos episódios esperando uma boa dose de confusão e diversão, afinal, uma coisa meio que está ligada à outra nesse meio, não é mesmo? Me parece que a série desacelerou depois da season premiere que, como falei antes, foi bem acelerada e cheia de informações. As coisas agora giram em torno de descobrir quem está por trás da morte de Matthew e de todos os segredos que surgiram com a situação e/ou que já existiam antes disso.

Dessa vez, Fallon está toda confiante em conseguir "roubar" mais um recurso da empresa do pai para sua nova empresa, consolidando assim seu nome, afastando-se do nome da família. Mas, se ela pensou que um certo jogo de sedução para cima de um velho conhecido da família iria facilitar as coisas, logo percebeu que não seria tão fácil assim quando uma velha colega de escola, a qual ela não se lembra, é quem aparece. 

A personagem segue sendo o ponto forte da série, Fallon é destemida, parece um furacão causando alvoroço por onde passa, e ela sabe exatamente o que quer e faz o que tem que fazer para conseguir, não é dessas "boss" que ficam apenas delegando funções. O problema de Fallon é Cristal, e de certa forma, seu egoísmo, a personagem está obcecada na madrasta e está perdendo pontos com quem, naturalmente, estava do seu lado. Aos poucos o motorista está se desiludindo com as jogadas dela, já que, claramente, ele está muito mais envolvido do que ela. E não é só ele, seu parceiro na nova empresa também se abalou ao descobrir do envolvimento entre ela e o motorista desde o episódio passado... E nesse, sua notória vontade em vingar-se de sua madrasta, prejudicou o negócio que ela tanto queria conquistar. 

Enquanto isso, Steven seguiu tentando descobrir como livrar-se da acusação do assassinato de Matthew e acabou entrando em um rolo com Sammy Jo quando ele revelou (com meias verdades, claro) que conhecia quem fez o roubo na mansão e que a pessoa estava com o celular e estava pedindo uma bolada para devolver por causa do tal vídeo de Cristal e Matthew. Muito girou em torno desse telefone que causou muita confusão já que Fallon liberou o tal vídeo na internet e isso desencadeou uma série de revelações de muitos dos segredos que mencionei acima.

Steven mostrou um lado seu que se aproximou muito de como seu pai é, ao lidar com o detetive corrupto a fim de recuperar o telefone, e seguindo os conselhos da irmã, usou da situação para "insistir" que o detetive encontrasse outro suspeito e resolvesse o caso. Bom, obviamente isso não deu lá muito certo... Steven foi muito (mas muito mesmo) ingênuo achando que o detetive iria ouvir seus apelos e agir de forma correta, quando, na verdade, ouso afirmar que os eventos que se seguiram com a morte de Willy foi tudo arquitetado pelo detetive a fim de cumprir com o que Steven falou. Ou seja, tudo foi distorcido, mas o objetivo final foi alcançado com o encerramento do caso. Agora resta saber se irão descobrir que foi uma armação (caso tenha sido mesmo) ou se irão partir para um novo plot.

Por fim, preciso comentar o momento revelação entre Blake e Cristal no final do episódio e a repetição daquela velha frase "sem mais segredos". Por favor, né? Se tem uma coisa que não falta aqui é segredo, meus amigos. 

Ps. Anders é aquele personagem desbocado que fala as verdades na cara de todo mundo sem medo algum do que irá acontecer e que é amado por isso, rs.

Comentário(s)
0 Comentário(s)