The Walking Dead - 8x02 - The Damned

Por Roberto Adryano

30 de outubro de 2017

Esse foi daqueles episódios que eu não consigo enxergar o porquê da existência, daqueles de encher linguiça. No começo parecia que seria frenético, estava o team Rick dominando um posto avançado do Negan atrás de suas armas, com o propósito de enfraquece-lo, só que do meio para o final o ritmo foi caindo e caindo, tudo o que acontecia não chegava à lugar nenhum e no final o episódio só rodou, rodou e não entregou nada.

De importante para falar, acho que, da organização com que o time do Rick trabalha nesse momento. Umas das coisas mais chatas da série era como cada um queria resolver do seu jeito e sempre dava brechas para que o Negan saísse na frente e agora todos sabem o que fazer e não desviam suas funções.

Outra coisa é que parece que nessa temporada teremos um “idiota” por episódio, primeiro o Padre resolve ajudar o ex líder de Hilltop e acaba preso com Negan, agora o Jesus resolve ser misericordioso com os Salvadores, como se eles fossem pessoas boas que foram obrigadas a matar. Se tem uma coisa que eles deixaram claro, é que eles gostam do que fazem e o Jesus deixa isso de lado e resolve ser ingênuo nessa hora. Espero que isso não se volte contra o grupo depois.

O episódio marcou também o reencontro do Rick com um dos seus amigos do primeiro acampamento da série, lembra daquela família de latinos que deixaram o grupo depois do ataque da pedreira e nunca mais ouvimos falar deles? Então, pelo menos o homem está vivo e seguindo fielmente os Salvadores, só faltou ele falar “Eu sou Negan”.

Não posso esquecer de outro surto do nosso amigo Morgan, agora ele acha que é imortal, mas quase morre para os capangas do Negan durante a tomada do posto avançado. Um susto que talvez mostre para ele que ele é muito do mortal.


Resumindo, foi um episódio que na minha humilde opinião era dispensável, não avançaram a história, não conseguiram mostrar muita coisa, foi apenas 40 minutos do Time do Rick invadindo um posto avançado do Negan e só, nem conseguimos saber se a invasão foi bem-sucedida. Espero que o ritmo da série não caia tão cedo. Não é possível que eles continuaram com os mesmos erros de temporadas passadas, já deveriam ter aprendido.  

Que daqui para frente os episódios desenvolvam bem essa guerra e que ela seja épica.
Comentário(s)
0 Comentário(s)