Música em Foco: Turn the Page

Por Ellen Joyce Delgado

14 de agosto de 2017


Permaneça velado nos assombros de meu pretérito. 

A semana que começa pede uma música composta de recomeços. “Turn the Page” expressa isso muito bem. Tive a oportunidade de conhecê-la em mais um episódio de Grey's Anatomy. A música, composta e tocada por Matt Hires, nos traz a certeza de que, em alguns momentos, virar a página se faz necessário. 

Nossos corações habitam campos anteriormente impenetráveis. Insistimos em algumas estradas que não partilham dos nossos interesses. São nestes casos em que os brilhos de nossas almas acabam se ofuscando. 

The darkness holds little rest for weary bonés. (A escuridão me traz um pouco de descanso.) 

Lembre-se de todas as coisas que você queria – anteriormente. Não deixe suas lembranças lhe assombrar. Em alguns momentos, somos feitos para dizer adeus. Tomaremos uma nova estrada, alguém deve avançar. 

But I'm not alone, I'm with the lover of my soul and where else could I go? (Mas não estou sozinho,eu estou com o amante da minha alma. Onde mais eu poderia ir?) 

Viaje para dentro de sua alma. Não é errado querer estar perto daquilo que você almeja. Mas, ainda assim, você é melhor que isso - falta-lhe apenas ter certeza. 

Troque a armadura quando a batalha se assemelha infindável. Crie uma lista daquilo que parece estar errado. Agora, procure o espelho de sua alma e realize uma lápide contra todas as coisas que um dia lhe derrubaram. 

A partir de agora, viva diante desse seu rosto engraçado. Há um brilho por trás desse seu lado mais sombrio. 

Now turn the page, the chapter's ending. (Agora vire a página. O capítulo está acabando.) 

Temos sempre o melhor a seguir. Memorize um discurso para os dias que ainda virão. Salve suas palavras e, neste exato momento, simplesmente desapareça.


Comentário(s)
0 Comentário(s)