Conheça: Two and a Half Men

Por Alvaro Luiz Matos

2 de agosto de 2017

Apresentar uma série que praticamente todos já conhecem talvez seja um trabalho muito difícil. TAHM já foi do céu ao inferno muitas vezes, mas resistiu ao tempo e emplacou 12 temporadas, o que muitos achavam impossível.

De forma simples a série apresenta Alan, que após sua separação vai viver com seu irmão Charlie por algum tempo (e nunca saiu) e ainda recebe as visitas semanais de seu filho Jake. De certa forma a história gira em torno deles, com boas piadas e uma química interessante, o então jovem ator que interpreta Jake era interessante e tinha um bom timing cômico. Além disso, Alan e Charlie tinham problemas com a sua ausente mãe, que estava interessada quase todo o tempo em passar a perna em velhos ricos, além de beber compulsivamente; uma vizinha maluca que estava sempre rodeando a vida de Charlie as espreitas; e a ex-mulher de Alan que era responsável pelas tiradas mais fortes.

Alan é o personagem pobre sem noção, cheio de manias e inconveniências e Charlie o personagem rico, pegador, e bêbado.

A série tem como principal homem pensante Chuck Lorre, que faz sucesso na TV americana com sitcons fáceis e enlatadas, que por muitas vezes é o que espera um espectador que chegou em casa cansado do trabalho. Chuck é criador também de séries como Mom, Mike & Moly e o seu maior sucesso de audiência The Big Bang Theory. Como você já notou e já citamos, são todas séries de estereótipos, uma sobre Nerds, outra sobre gordinhos, outra sobre alcoólatras, sobre irmão encostado e assim por diante (Todas com piadas prontas e fáceis.).

Two And a Half Man abriu a portas para todas essas séries e por muito tempo foi a comédia de maior audiência nos EUA, além de ter sido vendida para os quatro cantos do país. Pagava salários altos para suas principais estrelas Jon Cryer, Angus T. Jones e principalmente Charlie Sheen, que em algum momento chegou a ser um dos mais bem pagos da TV. 
Mas com tanto sucesso, tanto retorno, como TAHM conseguiu sair do céu e ir para o inferno?

Charlie Sheen sempre apresentou problemas com as bebidas, drogas e transformava o set de filmagem em seu quintal, afinal os atrasos ficaram constantes, os desentendimentos, e o fato de aparecer tonto para gravar. Com tudo isso se arrastando chegou o momento em que ele e Chuck Lorre se desentenderam e Charlie Sheen deixou a série.

Com isso o rumor de quem o substituiria tomou as redes sociais ao mesmo tempo em que os fãs do sempre polêmico Charlie declaravam o final da série e que a abandonariam caso a série prosseguisse. E ela continuou com o astro Ashton Kutcher que deu uma nova cara ao show.

Os primeiros anos pós-mudança foram sofridos, mas a meu ver em algum momento a série se recuperou e conseguiu dar seus suspiros finais até se encerrar em 2015, com um series finale bastante polêmico.

Se você é como eu, gosta um pouco de sitcom e não perde a oportunidade de rir da primeira bobeira que passa na sua frente vale apena. Não precisa ver episódio após episódio, é só pescar algum e assistir de forma aleatória mesmo.

Abraços e até a próxima.
Comentário(s)
0 Comentário(s)