House of Cards - 5x11 - Chapter 63

Por Alvaro Luiz Matos

11 de junho de 2017

Um episódio que levantou suspeitas, desfez paradigmas e mostrou o lado de cada um nessa maluca história que deixaria até o Gilmar Mendes sem saber o que fazer (como se ele soubesse as merdas que faz).

House Of Cards está mais imprevisível do que nunca, mas fez questão de dizer quem é quem no tabuleiro. Durant desde o início da temporada mostrou que pularia fora do barco e foi por isso que os roteiristas a deixaram por tanto tempo na embarcação, mesmo quando já não fazia mais sentido. A personagem vem perdendo o brilho há muito tempo e talvez seja essa a forma de dividir aqueles que sairão do centro da série e aqueles que estarão com Frank daqui a diante. Minha sensação é que qualquer um que venha a depor ou a ficar contra Francis terá um fim prematuro.

Claire é outra que começa a deixar suspeitas, mas não é novidade que ela e Frank já não se bicam. O relacionamento é apenas de fachada, e por muitas vezes vim a desejar que ela se de bem mal, afinal a série ainda se baseia no quão forte o personagem principal se faz, e ela como todo bom coadjuvante já fez sua estrela brilhar em outras temporadas, mas para o momento não passa de uma personagem repetitiva. Ou o roteiro da um jeito de fazê-la novamente carismática aos olhos do público ou faz com que esse rio se divida de vez, mostrando um embate acalorado entre o casal até que um perca feio (provavelmente ela).
Outra novidade é Leann e Doug, foi interessante ver a aproximação da dupla, assim como parece interessante ver que Doug e Seth possuem uma dinâmica de confiança crescente. Por falar em confiança, esse não foi apenas um episódio para mostrar em quem desconfiar, foi um episódio para mostrar aqueles que fazem parte do time de Francis. Vimos que podemos confiar em Leann (talvez eu esteja forçando um pouco, mas tenho certeza que estou correto), podemos confiar em Seth (continuo forçando), sobre tudo podemos confiar em Doug. De resto bora desconfiar até da parede da casa branca, afinal elas têm ouvidos.

Bora que falta pouco e as coisas estão esquentando.
Comentário(s)
0 Comentário(s)