Into the Badlands - 2x9 - Nightingale Sings No More

Por Alvaro Luiz Matos

21 de maio de 2017

Nunca comece a escrever uma review com raiva, seja ela causada pelo roteiro ou por algum personagem que fez bobeira. Mas preste bem atenção, faça o que eu digo, não faça o que eu faço, afinal aqui vai uma review possessa de raiva.

Pra que cargas d’água mataram a Tilda? Uma personagem adorável e determinada da qual eu esperava muito na sequência da série. Disse isso na última review, disse do quanto o caso dela com o M.K. trazia-me bons sentimentos, e o quanto eu esperava do crescimento dela na série. Para ser bem sincero, me importava mais com ela do que com seu próprio namorado, que querendo ou não perdeu relevância e tem uma história muito menos apetitosa que a dela. Por quê? Por quê?

Lembro-me que também falei sobre a Viúva se tornar a próxima grande vilã da série, ocupando o lugar de Quinn assim que ele fosse derrotado, mas não supus qual seria o impacto que os roteiristas procuravam para dar veracidade e destaque para o lado ruim da personagem. Pois bem, mato aqui dois coelhos com uma cajadada só:

Por quê os roteiristas permitiram a morte de uma boa personagem?

Porque eles precisavam dar mais ênfase a esse lado "vilanesca" da Minerva e nada mais óbvio e coerente do que fazer com que ela matasse seu braço direito, a única pessoa que esteve sempre ao lado dela. Faz sentido? Muito, mas não que eu tenha gostado de ver Tilda morta.

Só para não fugir do assunto, a batalha entre ambas as personagens foi o ponto de emoção da série, a batalha foi bem ensaiada e refletiu bastante a angustia de vê-las lutando. Ainda no assunto, também é importante que eu diga que meu time dos sonhos para lutar do “lado bom” da série era constituído por Sunny, Bajie e Tilda (Vou precisar remontar minha equipe).

Nightingale Sings No More foi um episódio que terminou com um ótimo plot, mas que também começou com uma revelação importantíssima. Bajie foi o professor de Minerva e ensinou a ela tudo o que ela sabe, não só isso, Bajie (ao que tudo indica) sabe traduzir aquele livro e ainda guarda mais segredos dentro da sua bagagem.
Sei também que em algum momento a série vai se tornar uma busca pela terra perdida e isso me preocupa, aliás a parte mais chata de Into The Badlands esteve presente enquanto Sunny vagava episódio a episódio perdido pelas terras periféricas, local onde nenhum bom plot foi desenvolvido com profundidade (até foram criados, mas não foram bem aproveitados). Então espero francamente que os roteiristas só sigam por esse caminho quando tiverem certeza sobre o que querem fazer, sobre como vão fazer e se vai valer a pena.

Tivemos também um homem bomba, mais algumas bombas sendo construídas e um Ex-Barão mais perdido no meio da série que cego manco tentando correr em meio a um tiroteio. Acho todo aquele povo desnecessário, por mim morriam todos, até mesmo a Veil, mesmo que eu saiba que ela deve fazer parte dessa busca pelas terras perdidas (afinal o que mais faria com que Sunny quisesse encontrar um lugar em país, se não para abrigar seu filho e seu amor?).

Para finalizar, a série está melhor, embalou uma série boa de episódios e vai para sua season finale muito melhor do que começou. Uma ótima notícia para nós fãs.
Comentário(s)
0 Comentário(s)