Into the Badlands - 2x6 - Leopard Stalks in Snow

Por Alvaro Luiz Matos

29 de abril de 2017

Bom, eu não estava assim empolgado para ver esse episódio, e ao decorrer das primeiras cenas me perguntei diversas vezes sobre o que escrever. Gosto de fazer dos meus textos relevantes, embora não de muito para fugir do pragmatismo onde as séries vez ou outra se lançam. Entre tanto, lá pelos doze minutos de episódio me vi novamente a frente de mais um caso de violência, mais um caso de abuso e comecei a me questionar se Into The Badlands realmente não se preocupa em ser relevante.

Já nos deparamos algumas vezes com assuntos como esse, e após dois episódios seguidos mostrando que no caos esse cenário de abusos cometidos por homens em relação às mulheres são, infelizmente, costumeiros, a série talvez queira se aproveitar do tema. Pense bem, será que a série quer apenas criar impacto ou ela está mostrando que essa situação é mais comum do que muitos pensam, chamando-nos a atenção para um assunto crítico para a sociedade, e mostrando o quão inaceitável são situações como essas. Nesse sentido seria a Viúva a personagem pela qual precisamos torcer, seria ela mais relevante para o roteiro do que o nosso protagonista (que até aqui só se fez distante da história toda). 

Embora tenhamos questionamentos que começam a brotar na série, ainda temos dificuldades imensas em ter um personagem favorito, de identificar aquele onde podemos depositar nossas esperanças. Ou talvez essa história toda só seja para ligar ambos os personagens, mostrando um sentimento comum entre os dois, para que ele venha a lutar ao lado dela por justiça? 

Lendo devaneio afinal, lá vai a viúva entregar Veil de bandeja para o Quinn.
Todo mundo acerta e erra em Into The Badlands, e não que eu quisesse alguém perfeito para torcer, mas precisamos de alguém que se destaque e é exatamente isso o que tem faltado nessa segunda temporada.

No mais, tudo seguiu como deveria seguir, e finalmente Sunny e M.K estão juntos para formar um time com nosso já querido Bejie. Não vou me preocupar com o ataque que Sunny sofreu de um Adabe, pode ser que não seja nada demais, pode ser que tenha recebido poderes, pode ser “Deus e o mundo”, mas morrer ele não vai; então preocupar-nos para que, não é?

Em resumo, ainda me preocupo com uma série sem objetivos claros, sem personagens realmente fortes e principalmente com o enfraquecimento de personagens que já foram importantes. Ou resolvemos isso o quanto antes ou Into The Badlands não vai tão longe.

Até semana que vem.

Comentário(s)
0 Comentário(s)