Supergirl - 2x16 - Star-Crossed (1)

Por Rozany Adriany

22 de março de 2017

Os pais de Mon-El aparecem e claro que nossas suspeitas de que ele seria na verdade o príncipe de Daxam se tornam verdadeiras. E parece que Kara não consegue lidar com isso da melhor maneira!

Mentira tem perna curta, amigos. E, apesar de achar que Mon-El devia ter sido sincero com Kara desde o primeiro instante e contado a ela que era o príncipe, também acho que Kara deveria dar uma segunda chance ao rapaz. É claro que o perdão não vem assim tão rapidamente, mas parece que Kara leva tudo muito ao extremo e, acho até que a mãe de Mon-El tem um pouco de razão ao dizer que ela se acha melhor do que ele. 

A verdade é que ela pode até ser, tem toda uma questão de altruísmo e integridade envolvida, mas todos podemos ver a evolução de Mon-El, todos podemos ver que desde que chegou a Terra ele aprendeu a ser uma pessoa melhor, como ele mesmo disse, e seus atos (além das palavras) demonstram isso. Há melhor situação em que seja válido dar uma segunda chance que não essa? Mesmo Mon-El ainda se atrapalhando um pouco, é evidente que houve uma grande mudança dentro dele e isso deve sim contar, afinal, devemos sempre lutar pelas pessoas que valem a pena e não abandona-las por medo de que elas nos magoem outra vez. 

E é aí que entra Winn e nos mostra porque ele é sim a melhor pessoa dessa série. Após ser enganado por Lyra em um roubo de uma obra de arte, o personagem não só escuta sua explicação para ter feito o que fez, como a ajuda a encontrar seu irmão que, descobrimos que estava sendo mantido preso por uma gangue que estava cobrando uma dívida interminável e que ela se dispôs a pagar em seu lugar.  
Mesmo com todos duvidando de Lyra e acreditando que ela apenas tinha usado Winn, ele segue firme em confiar na alienígena, e no fim acaba perdoando-a, mostrando que uma pessoa que se arrisca por alguém que ama é alguém que merece perdão. É ou não é um amor esse Winn? Aprende com ele, Kara!

Por fim, Mon-El deixa claro para seus pais que não irá voltar para Daxam e que aprendeu mais com Kara em seu pouco tempo na Terra do que com eles próprios em seu planeta. Merece ou não merece perdão? Merece sim senhor. 

E como era de se esperar, mesmo sendo um episódio em conjunto com The Flash, apenas o final dele nos direciona ao crossover, quando um alienígena desconhecido (até então) meio que hipnotiza Kara e parte para outra dimensão atrás de Barry, deixando-a presa no que parece ser um sonho. Ou seja, vejam The Flash para saber o que acontece, porque os últimos minutos de Supergirl são muito incertos. 

Ps. Se existe cena mais fofa do que Kara e Mon-El assistindo Game Of Thrones e falando de filme romântico, desconheço. Então, por favor, não prolonguem essa separação entre eles, porque já esperamos demais para que ficassem juntos
Comentário(s)
0 Comentário(s)