Quantico - 2x10 - JMPALM

Por Rozany Adriany

6 de fevereiro de 2017

Não tem sido fácil escrever sobre Quantico, isso é um fato. Mas, parece que tivemos algumas surpresas e algumas respostas neste episódio, então, vamos lá!

Primeiro de tudo, devo dizer que já está ficando chato essa enrolação com o casal principal, Alex e Ryan. Enquanto por um lado sabemos que o casal já não está mais junto no "futuro/presente", por outro continuamos vendo todos aqueles mesmos problemas da season 1 com relação às desconfianças e ao fato deles deixarem que seus trabalhos influenciem na relação devido às mentiras. Como uma amiga minha diria: "é um tal de bota casaco, tira casaco" que já está enjoando. 

Mas, Quantico tem dessas, não só com o relacionamento alheio como nas desconfianças, a cada episódio nos vemos sem saber em quem confiar. Se em alguns episódios anteriores a gente odiava o Ryan por parecer que ele estava do lado errado, nesse episódio a gente volta a criar esperanças de que ele e Nimah não estão realmente do lado errado.

Além disso, León foi uma das surpresas do episódio. Que ele começou a desconfiar de Shelby, isso ficou claro no episódio anterior, porém, a surpresa foi o que ele fez com essa desconfiança. Não sei se fui a única que pensou que ele faria uma loucura e poderia até chegar a atacar Shelby, mas me surpreendi ao vê-lo abordar Nimah e se dispor a trabalhar com o FBI contra a AIC. 
E as poucas respostas que nos foram respondidas vieram tanto do passado como do presente/futuro. No passado descobrimos que Owen não é realmente a pessoa que está por trás da AIC (ou será que é isso que ele quer que Alex pense?). Bem, quando Ryan fala a ele, de uma maneira meio enigmática, que estava tentando fazer com que Alex não prejudicasse a AIC e o que ele estava fazendo, a reação de Owen me pareceu de surpresa e já fiquei com o pé atrás, mas não dá para confiar plenamente, não é? Então, Owen ainda pode nos surpreender. 

Por outro lado, descobrir que é Lydia quem está por trás do comando do grupo não pode ser considerado uma surpresa, afinal, lá no início da temporada a gente já tinha em mente que ela poderia estar junto com o pai nessa história. O que resta saber agora é se a briga entre Lydia e Owen foi real e se realmente ela está agindo sozinha ou se todas as ações desses dois não passam de estratégias para enganar os recrutas e as outras agências. 

No futuro/presente o que vemos é que Nimah e Ryan se deixaram levar por Miranda, mas não faziam ideia da proporção que as coisas tomariam e me parece que todos acabaram perdendo a noção do "aceitável" e de até onde ir para alcançar um objetivo.

Ps1. A presidente revelando a Shelby que ajudou a criar a AIC foi interessante, e apesar de não confiar nela, foi bom ver que ouviu a Shelby e cancelou o ataque. 

Ps2. Alex e Miranda lutando me lembrou aquelas cenas em que duas pessoas começam a brigar e a arma dispara e alguma delas morre. O coração parou por uns minutinhos até Alex conseguir desarmar Miranda, rs. 

Ps3. Lá vai Alex salvar a pátria de novo, minha gente! Se segurem que o negócio vai ficar ainda mais sério! 
Comentário(s)
0 Comentário(s)