Conviction - 1x13 - Past, Prologue & What's to (Season Finale)

Por Janaína Guaraná

9 de fevereiro de 2017

Sabe quando a gente sente que as coisas estão saindo do trilho e tenta consertar erros antigos? Quando tudo vai bem, mas as mudanças nos incomodam, pois, gostamos da segurança de saber onde pisar? Mas, é quando a gente aproveita as oportunidades e coloca os pensamentos nos eixos e tenta acertar, pelo menos dessa vez. 

Não esperava menos de um primeiro encontro, sabia que as chamas subiriam pelas paredes de qualquer prédio ou elevador e que o encontro acabaria na constatação mágica que foram feitos um para o outro. Acabaria no mútuo entendimento, de que finalmente se encontraram, mas a vida tem outros planos, por hora. 

Sempre soube que a Hayes vivia um dia de cada vez e não perdia qualquer oportunidade de extravasar, de provar que está vida e vivendo intensamente. Mas, o erro, é novo. É novo saber que a garota festeira, tentou conciliar as duas vidas e acabou carregando o peso dos próprios erros, se culpando e se culpando. Não tem problema em errar, em não ser perfeito. O problema é arrastar a vida de alguém para um beco sem saída e ter todo o crédito por ter posto a pessoa lá. Mas, o bom da vida é as voltas que ela dá, e menos dia, mais dia, podemos colocar cada um de volta em seu lugar.

E sim, eu sempre soube que a Hayes é esse tipo de Boss, o tipo que assume os riscos e culpas, o tipo que leva tudo para si e salva o funcionário e afunda sua vida e relacionamento num mar de dúvidas.

O que eu não sei, é se vamos ter segunda temporada, se vamos ver Hayes se explicando para o Wallace. Se vamos ver o Sam demitido. Se vamos ver a Maxine com o detetive crush. E a Tess se libertando de um erro de infância. E o Frank, vai tirar o amigo da cadeia? Não sei, não sei se haverá mais Te Amo e mais Te Amo Também.
Comentário(s)
0 Comentário(s)