Penny Dreadful - 3x05 - This World Is Our Hell

Por Elizabeth Silva

9 de junho de 2016

Cá estamos para novamente para falar sobre mais um eletrizante episódio de Penny Dreadful. Desta vez o enfoque foi direcionado aos outros personagens da trama, nos deixando sem nenhuma outra cena de Vanessa após sua hipnose e nem havia necessidade disso, pois esse episódio foi pra lá de interessante e instigante! Desta vez ficamos com o arco de Victor e Ethan, ambos com papeis importantes nessa terceira temporada e que ainda com muito a evoluir. 

Começaremos com Dr. Victor Frankenstein. Ele continua na sua busca para um tratamento que possa trazer de volta a inocência de sua amada Lily. A perda de seu primeiro amor não está sendo nada fácil, e apesar de mostrado os avanços de sua pesquisa com Jekyll, não existe uma segurança de que Lily volte a ser como antes para sempre, mas, como um grande amante e ansioso para ter seus momentos únicos de felicidade de volta, Victor seguirá em frente com seu plano e levará Lily até aquela horrenda prisão para curá-la. Espero de verdade que ele consiga, mas algo me diz que essa natureza real de Lily ou Brona, não permitirá que ele a tenha por muito tempo, tudo que peço é que ele não fique fadado ao sofrimento por muito tempo, ele não merece!
Logo no começo, somos levados as escaldantes terras norte americanas, onde todos querem chegar em uma personagem em especial, Ethan. Desde o primeiro episódio de Penny, Ethan é um dos que mais intrigam o telespectador, tanto pela sua habilidade com as armas, mas principalmente sua “familiaridade” com aquele mundo e uma história rodeada de segredos. O desenvolvimento e envolvimento dele na trama tem sido uma das histórias mais bem amarradas e escritas! Na segunda temporada ele teve um destaque maior ainda protegendo Vanessa, mostrando seu monstro interior e a luta que trava para não ceder as trevas.

Lupus Dei, é um fardo que ele carrega sozinho por tempo demais, e neste episódio é mostrado que se Ethan se perde para as trevas, a luta contra a mesma se tornará mais difícil. Fazendo papel do diabinho em seu ouvido temos Hecate. Eu acho ela uma personagem interessante, mas não consigo suporta-la despois da temporada anterior. Do outro lado do ombro de Ethan, Malcolm na companhia do Apache tentam a todo custo impedir que Hecate obtenha sucesso. Não posso esquecer que no meio de tudo isso, ainda temos os policias de Londres e agora o Xerife em seu encalço! Nesta perseguição a única coisa que não me agradou foi o destino do Apache; algo me diz que não foi a última vez que o vimos, e mesmo que tenha sido, sua participação foi bem introduzida, desenvolvida e fechada pelos roteiristas! 
Queridos leitores a vida de Ethan não está nada fácil. Turbulências a parte, a história do seu passado é finalmente revelada e mais uma vez só tenho elogios aos roteiristas com o maravilhoso trabalho que realizaram, a narrativa fica por conta ora de Ethan ora do Apache, onde temos todas as explicações possíveis e ainda sim deixando o suspense maior ainda para o final, qual pecado que Ethan cometeu contra seu pai? E, para minha surpresa, este foi revelado ainda neste episódio, serei sincera, em hipótese alguma, nenhuma teoria que já li e mancomunei, chegou sequer perto do verdadeiro ódio entre pai e filho. Acredito que Jared culpa seu filho por um crime que ele não quis cometer e que não cometeu, ele foi traído!! Mas, entendo a raiva e ressentimento dele. Ethan cometeu um erro e teve que pagar por ele da pior maneira possível, isso mostra o quanto ele é forte, mas não se pode lutar para sempre e é exatamente aí que mora meu medo! Depois de todas as palavras venenosas de Hecate, quem Ethan vai ouvir? 

Espero que tenham ficado tão ansiosos quanto eu fiquei! Até a próxima review!
Comentário(s)
0 Comentário(s)