Game Of Thrones - S06E05 - The Door

Por Juliane Santana

25 de maio de 2016

SPOILERS ABAIXO:

Quando eu falo que essa é uma das melhores temporadas de Game of Thrones, não estou exagerando. Estamos na metade da temporada e quantas cenas já nos deixaram de queixo caído?

O que mais valorizo nessa season 6 é o modo que ela vem surpreendendo o espectador, não trazendo aquele formato que todos conhecem onde o primeiro episódio é muito bom e só terá outro tão bom quanto na season finale. GoT conseguiu deixar sua marca toda semana, sempre trazendo algo a ser debatido logo após acabar os 50 minutos, fazendo ser impossível não soltar alguns spoilers nas redes sociais.

Em “The Door” tivemos uma sequência com mais conteúdo referente ao arco da Arya, agora ela possui uma missão e acredito que até o final da temporada toda essa fase de testes e treinamentos estarão acabados, caso contrário o assunto se tornará maçante, o que o público mais espera é essa evolução da personagem.

Daenerys dessa vez apareceu com sua roupa de khaleesi e quem sabe pronta para voltar a Meereen, se reunindo com Daario e Jorah onde ele resolveu revelar sua doença e finalmente declarar o seu amor por Dany. A resposta da khaleesi para tudo isso foi lindo, ordenando ele procurar a cura e dizendo que precisa dele ao seu lado,sabemos que , no caminho que Dany pretende trilhar até Westeros ela realmente irá precisar de pessoas leais como Jorah, que a acompanha desde o início.
Em Meereen, Tyrion resolveu recorrer a fé, nos apresentando mais uma sacerdotisa. Dessa vez a escolhida pelo Senhor da Luz é a Dany e mais uma vez teremos uma mulher de vermelho falando sobre vozes na chama e quem sabe até realizando alguns “feitiços”. O mais interessante é que essa nova personagem também veio carregada de uma personalidade tão forte quanto Melissandre, deixou Varys e Tyrion de olhos arregalados, prevejo mais momentos impressionantes envolvendo essa religião. É incrível ver a mente desses dois funcionando e garantindo o reinado da Daenerys em Meereen e como foi falado sobre os Filhos da Harpia parando de atacar, toda essa estratégia traçada está funcionando.

Falando sobre estratégias, Mindinho se encontrando com Sansa era uma cena que eu estava ansiosa para rever. Um momento quase de acertos de contas e deu para sentir a força que Sansa teve, falou umas verdades na cara dele e o deixou sem palavras, todas as promessas que ele tinha feito foram por água abaixo e mesmo assim ainda oferece ajuda, mas do que lógico a menina Stark não acreditar em sua palavra. Entretanto, o fato de Sansa conseguir seu exército e reconquistar Winterfell vem em primeiro lugar, dessa vez é preciso confiar nas informações que ela conseguiu. Como sei que nada é fácil quando se é um Stark, temo muito por esse confronto com os Bolton, certeza que essa batalha será deixada para season finale e virá junto com tragédias.
Um evento importante que aconteceu foi o “Kingsmoot”, a decisão de quem irá ficar no Trono de Sal. Theon apoiando a irmã foi algo tão certo e me encheu de esperança, jurava que existia algo destinado aos dois nas Ilhas de Ferro, mas os acontecimentos foram direcionando a outra realidade e os irmãos agora são procurados pelo tio Euron Greyjoy. Yara é uma líder com tanta presença que não poderia sair melhor dessa situação, juntamente com Theon fugindo de lá com os melhores navios me fez pensar em o que poderemos esperar desses dois, qual é o novo rumo traçado para a família Greyjoy na série? O fato de Dany ser mencionada nesse momento pelo Euron foi demais, entender como ela já é muito famosa em Westeros e como vem ganhando força mesmo sem saber, imagina quando essa mulher pisar em Porto Real.

E por fim, vamos falar sobre Bran. Desde que ele começou a ter as visões eu soube que elas teriam um grande papel nessa temporada, seja isso nos revelando detalhes que não imaginaríamos ou então tendo uma grande interferência na forma que veríamos os assuntos místicos. Preciso dizer que mais uma vez a aparição dos Caminhantes Branco me deixou de boca aberto e olhos arregalados, acho incrível que a presença deles venha acompanhada de momentos tão grandiosos na série. Estamos aos poucos entendendo como acontecem as visões, o modo que ele interage com o passado, presente e futuro, assim como ele vamos tendo noção de tudo isso conforme Bran vai se aprimorando.

Deu para notar que em toda vez que Bran tinha uma visão, ele ansiava por mais e mais tempo, mais conhecimento, mesmo não estando pronto. Tivemos o fruto dessa insaciável vontade, sendo percebido pelo Rei da Noite, sendo marcado e encontrado por ele, antecipando um confronto do qual ele não estava preparado. Além disso, com os Filhos da Floresta toda a mitologia por trás dos Caminhantes Branco foi esclarecida, a forma que eles se originaram, sua função no começo e entendermos o quão poderoso são essas criaturas.

No meio de uma bagunça criada pelo Stark, acabamos perdendo um personagem querido, Hodor. Durante os 10 minutos finais não teve como aguentar a emoção, aflição e desespero, sentimentos dignos de uma season finale, para no final numa cena tocante perdermos Hodor e ainda descobrirmos o motivo dele só falar essa palavra.Confesso que, não estava pronta para perdê-lo, mesmo sendo alguém “não tão importante” para trama, ele conquistou nossos corações, causando curiosidade em sabermos mais sobre sua história. R.I.P. Hodor e R.I.P. Verão (CHEGA DE MATAREM LOBO, por favor).
Agora Meera está sozinha, sem lobo, sem ajudante para carregar Bran, sem nada. Para onde será que eles irão? A participação dele ganhou muita importância, então diferente das temporadas passadas acho muito difícil sumirem com Bran novamente.

Chegamos na metade, faltam 5 episódios para finalizarmos Game of Thrones esse ano e preciso dizer que não me decepcionou em nada por enquanto. A série vem caminhando muito bem, trazendo uma constância na qualidade de seus episódios e progredindo muito bem com o enredo.

E você, o que achou? Deixe seu comentário e veja a promo do próximo episódio.



Esse texto foi escrito por: Juliane Santana


Assista a promo do próximo episódio:

Comentário(s)
0 Comentário(s)