The Voice - S10E14/15/16 - Live Playoffs, Part 1, 2 e Results

Por Alvaro Luiz Matos

14 de abril de 2016

SPOILERS ABAIXO
Se tem algo chato demais é que o The Voice americano parece sempre tão interminável, passou do nocaute começa a ficar tudo muito chato e extenso. Portanto os Playoffs já me cansaram bastante, não que tenha sido ruim, mas foi um acúmulo de músicas chatas com direito ao Bryan cantar música de ex One Direction (pra quem á tinha cantado Justin Bieber na semana anterior, isso é grave).

Mas sabe a parte boa? Que não me sinto obrigado a falar de todas as apresentações como nas batalhas e nos nocautes. Posso voltar a fazer como faço durante as audições e falar só, e somente só, do que eu gostei ou que me der vontade de comentar (essa é a minha condição para escrever essa review).

Live Playoffs, Part 1

Mary Sarah - Live Playoffs: "(I Never Promised You A) Rose Garden"
A ordem é que a partir das playoffs as músicas comecem a ficar mais chatas, ou só canções onde o timbre do cantor seja favorecido ou então as com o maior número de notas altas possíveis. Mary Sarah escolheu uma música que lhe desse oportunidade tanto com o timbre tanto com algumas notas, mas agradou também escolhendo uma canção que não fosse pedante para o show. A apresentação foi cheia de graça, com o carisma e a presença da cantora e ajudou-a a se posicionar entre os favoritos do time Brake.

Nick Hagelin - Live Playoffs: "Stay"
As cartas estão tão marcadas que a maioria das músicas seguiram esse pré padrão que circula as temporadas do The Voice, cheio de canções chatas. Tanto o time Blake quanto o time Xtina adotaram essa estratégia o que tornou o episódio num porre de assistir.

Nick também seguiu por esse caminho, mas me surpreendeu e resolveu finalmente crescer na competição. Não sei o que a Christina colocou na cabeça dele, mas essa apresentação foi muito superior as que ele fez anteriormente, ele aproveitou muito melhor o seu timbre e não repetiu as mesmas técnicas das outras etapas, se atendo muito mais a música e as oportunidades que ela daria para que ele mostrasse que não era um cantor de uma só técnica. Não é capaz de seguir a diante, mas merecia a atenção pela sua evolução.


Alisan Porter - Live Playoffs: "Cry Baby"
Se é para "divar" Alisan sabe o que está fazendo, ela está dentro da zona de conforto no que se trata de estilo musical. A apresentação foi de muita qualidade, e se antes eu acreditava que ela estava na zona do rebaixamento, agora acredito que ela não corre tantos riscos de sair de forma prematura da temporada.

Katie Basden - Live Playoffs: "Georgia Rain"
Se o Blake for optar por estilos diferentes para a próxima fase ele vai torcer para que ou Katie ou Mary Sarah passem a diante, pois se ambas passarem elas poderão dividir os votos entre os fãs de boas e talentosas cantoras country. Katie é uma grande representante desse estilo musical, mas eu sou mais afeito ao timbre da Mary.

--------------

As outras apresentações não foram ruins, mas não me chamaram a atenção ou não vão me fazer dizer algo diferente do que disse nas reviews passadas. Ryan é um cantor incrível, mas foi com uma música bastante chata para essa etapa, Adam é mais daquilo mesmo, um dos melhores cantores da temporada, mas vou ficar me repetindo para que? Kata também foi muito bem e me agrada com a presença de palco e Paxton é o dono do timbre mais diferente da noite. Já a Tamar manteve o alto nível, mas não mostrou novidades.


Live Playoffs, Part 2

Era muito fácil descobrir que o segundo episódio da semana seria bem melhor afinal os times mais fortes são os de Adam Levine e Pharrell Willians. Se eu pudesse pontuar um programa com o outro como se fosse um placar de futebol vocês veriam a goleada de 8x4.

Não vou falar desses oito gols um por um não, vamos apenas apontar os mais bonitos e depois passo mais rápido pelos demais. Bora lá?

Shalyah Fearing - Live Playoffs: "Listen"
Shalyah teria seu brilho apagado no episódio de segunda por seguir o mesmo padrão musical e estratégico dos demais cantores. Mas está no time do Adam e apareceu no mesmo programa que o time do Pharrell, os dois times mais variados em quesito de estilo musical.

Aliando sua qualidade vocal impressionante, Shalyah foi arrasadora e deve ter feito a Christina se arrepender a cada segundo por ter lhe mandado embora do seu time. Jovem e talentosa e vinda de família humilde é tudo o que o público quer para levá-la as finais.

Daniel Passino - Live Playoffs: "When I Was Your Man"
Daniel foi mais um que voltou e merecia o meu destaque aqui nessa review. O cantor fez melhor song choice possível e flutuou em notas agudas com exatidão e talento, fazendo talvez a sua melhor apresentação no programa e mostrando um pouco mais do seu talento e variedade musical.

Laith Al-Saadi - Live Playoffs: "With a Little Help from My 
Laith é talvez o cantor mais pronto do programa e parece fácil para ele cantar e empolgar o público. Juro que senti a apresentação dele toda a produção de um vencedor, mesmo nas fases iniciais do programa, teve até um pequeno solo de guitarra no meio desse show..

Owen Danoff - Live Playoffs: "Hero"
Owen é outro cantor pronto, mas que difere muito o seu estilo e vai precisar manter toda a sua qualidade até o final e mostrar que pode empolgar além de emocionar (o contrario de Laith que vai precisar emocionar ao invés de só empolgar).

Se em algum momento eu disse que o Pharrel tinha o melhor time da temporada agora já acho que Adam será o Coach que mais terá candidatos disputando o título da temporada, Laith, Owen, Shalyah.

Para não passar em branco a apresentação do Owen foi mais uma vez emocionante, o timbre, o estilo musical e a verdade que ele passa quando canta são genuínas e de extrema qualidade.

Hannah Huston - Live Playoffs: "Ain't No Way"
Hannah divide o meu coração com Mary Sarah o posto de diva da temporada (a competição também tinha Maya Smith, mas não sei como ela conseguiu piorar tanto entre as audições e os nocautes até ser eliminada). Enfim, falaria dela mesmo que ela tivesse ido mal na apresentação (o que está longe de ser o caso).

Ao contrário dos dois que citei a pouco, Hannah não é uma cantora pronta, está longe de ser, mas tem o maior potencial de crescimento entre os candidatos dessa temporada e vem crescendo exponencialmente desde as audições, fazendo com que esteja na briga pelo título. Afinal quantas vezes já vimos ganhar o que mais cresceu ao invés do que era o melhor e mais pronto? Por isso, abram os olhos que ela está fazendo bonito.

 Brian Nhira - Live Playoffs: "Alive"
Acho que o Brian ainda está longe de almejar as finais do programa, mas vejo ele em evolução e algo nele me chama muito a atenção. A verdade e o prazer por cantar são marcantes, vejo alguém que faz o que faz por paixão e talvez essa paixão me faça o vê-lo brilhando no palco.

-------------------

Emily também fez uma apresentação muito gostosa e única, é uma cantora bastante diferenciada e que merece espaço. Caity é outra cantora em crescimento mas que ainda está um pouco fora da briga pelas finais, Moushumi e Caroline já chegaram bastante longe e devem sair do programa mais cedo ou mais tarde, Moushumi aliás finalmente fez uma apresentação melhor e mais próxima de sua audição, mas ainda não emociona e sua impostação de voz fica devendo. Lacy Mandigo tem tanta personalidade, mas representa um estilo que geralmente não chega muito longe no programa e acaba destoando por isso.

Obs.: Se nem citei o cantor "x" é bem provável que acredite que ele(s) deva(m) sair do programa logo, tendo em vista que até cantores que achava que seriam eliminados foram citados como, por exemplo, o Nick.

Live Playoffs,  Results

Team Pharrell
E a minha alegria em ver que a Hannah não só é tratada pelo time Pharrell como sua Front Runner como também está liderando a equipe no gosto do público. A satisfação de vê-la sendo a primeira a garantir sua vaga no Top 12 foi incrível. 

O time Pharrell era o que mais me deixava com dúvida quanto quem deveria sair, estava apostando muito que Moushumi era a única unanimidade nesse quesito, mas os outros dois candidatos que daria um adeus ao programa ainda me deixava em dúvidas. Talvez Lacy pelo estilo que sempre é sacrificado no programa, mas não colocava essa certeza toda nisto, mas a última a ser eliminada seria um mistério.

Ai veio a vez de Daniel ganhar sua passagem me deixando muito contente que Pharrell tenha o trago de volta, o garoto merecia estar ao menos no top 12. E por fim Pharrell deu a Emily seu voto de confiança, levando o talento único de 17 anos a diante. Nesse momento eu já tinha alguma certeza que ele a levaria para a próxima fase, afinal isso era o mais coerente com todo o discurso de "novo" que ele aplica.


Team Blake
Minha aposta de quem deveria seguir a diante aqui era muito simples, as duas garotas e Adam. O Comeback do Blake foi apenas para que ele não prejudicasse sua equipe e Justin não representava nenhum perigo aos demais, provavelmente o menos votado de todos.

Adam sendo o primeiro escolhido não me surpreende, mas me deixou com muito medo, minha favorita dessa equipe e Mary Sarah e provavelmente esperava que ela fosse a primeira escolhida, de qualquer forma o alivio veio em seguida.

Restou ao Blake confirmar as minhas expectativas, mas como disse no texto do primeiro dia de playoffs, se ele levar Katie ele possivelmente estará dividindo os votos de Mary e Katie lá na frente, pois ambas representam um estilo próximo. Portanto pelo bem do jogo e a favor da estratégia adotada torci para que a escolha fosse Paxton. E realmente Blake pensou da melhor forma possível, não faria sentido para ele levar duas cantoras parecidas.

Team Christina
Eu passaria Alisan, daria uma última oportunidade ao Ryan (com muito esforço e dúvida, pois ele já foi meu favorito e caio muito nisso) e minha última opção seria Kata.

A não ser Alisan que arrasou na sua apresentação e vem evoluindo muito eu não tinha muita certeza de quem seria a outra pessoa que o público escolheria, e levei um susto ao ouvir o nome Nick sendo gritado pelo apresentador. Sim a apresentação dele diferiu muito das que praticamente todo o seu time teve e por isso já havia comentado sobre ele na primeira parte do texto, só não imaginava que a apresentação surpreendente que ele teve o ajudaria a chegar ao Top 12 (escrevi cada parte em um dia, portanto não tinha como adivinhar). Vale dizer que Xtina não fez cara de muito amigos e viu suas chances na temporada diminuir em menos um.

No lugar dela agora eu levaria Kata, pois Tamar e Alisan estão muito próximas no estilo e seria prejudicial para ela que já tem na próxima fase um candidato que acredito eu não tem mais o que mostrar. Kata tem os alcances tão bons quanto (um pouco a baixo da qualidade da Tamar) mas difere no estilo e puxa mais para um country. Ou então um dos garotos, mas todos muito parecidos com o estilo do Nick (só que muito melhores). Ficou difícil para ela fazer a sua escolha e refletindo um pouco acho que ela tem um certo crédito por levar Bryan a diante.

Bryan é mais pop e o repertório dele se difere de todos na competição, com Kata ela competiria com o time Blake e Mary, com Ryan ela provavelmente competiria com Owen ou Laith, Tamar ela competiria com Alisan e Hannah e Bryan só competiria com Nick e provavelmente Brian Nhira caso ele conseguisse passar no forte Team Adam.

É o jogo galera.

Team Adam
Já deixei claro lá em cima que o Team Adam está fortíssimo principalmente por esses três nomes Laith, Owen, Shalyah. Então minha aposta certa seria que eles passassem.

Só estava curioso para ver quem seria o primeiro escolhido pelo público e, merecidamente, Shalyah conquistou esse carinho e os votos. Laith também foi confirmado pelo público dando a Adam a escolha fácil de levar o Owen a diante. Certo?

Foi talvez o time mais fácil de acertar os palpites.


MEU TOP 4
Resolve fazer uma top 4 aqui (os que eu quero na final se ela fosse hoje), mas isso é muito pessoal, são minhas preferências unidas ao mínimo de possibilidade que o cantor ou a cantora tem de chegar à final. Mas deixo claro é quem eu gosto mais e não quem é necessariamente o(a) melhor. Ok?

1.Mary Sarah
Acredito que a menina tem tudo para chegar as finais e surpreender com o título, já vimos o Blake vencer temporadas por muito menos. Carisma, talento e beleza contam muito, aliado ainda ao timbre country que desde de as audições mostram ter quebrado a barreira do tempo. Uma voz antiga para uma garota nova e com personalidade.

2.Hannah Huston
A evolução dela é visivel, não só vocalmente, mas ela vem ganhando o palco, ganhando carisma e confiança. Lembram da batalha dela onde o desafio era ter personalidade e presença de palco? E ela conseguiu e foi ainda mais além mostrando que sente a música a cada nota que canta? Pois bem é disso que gosto em um cantor ou cantora.

3.Owen Danoff
O dom que  ele tem em emocionar é incrível, o talento e a genética é visível. Poderia passar dias e dias ouvindo esse cara cantar, ainda mais se você quiser criar um clima romântico.

4.Laith Al-Saadi
Laith é, como já disse, o cantor mais completo e pronto dessa temporada, terá que se desdobrar para sempre fazer melhor e surpreender o público. Vale lembrar que seu Coach sabe como fazer um campeão e trabalhando nele com carinho podemos ter mais umas daquelas temporadas que o título vai para a mão de alguém antes mesmo de acabar.

Esse texto foi escrito por: AlvaroLuizMatos
Comentário(s)
0 Comentário(s)