Conheça: Narcos

Por Alvaro Luiz Matos

16 de março de 2016

Netflix mais uma vez provou sua excelência em produção de séries e nos presenteou com Narcos.

Narcos, mesmo sendo uma série sobre a vida de um traficante que já está morto e que a história é de conhecimento geral, ainda desperta a curiosidade para tentar entender o que passava pela sua cabeça, seus planos, seus gostos, suas maldades, sua família e como ele sobreviveu tanto tempo sem ser pego pela polícia. Uma personalidade tão marcante e com uma inteligência inacreditável, claramente daria um personagem maravilhoso, pena que para o lado do crime e sendo responsável por tantas mortes.

A série retrata a jornada do DEA, Drug Enforcement Administration, mais precisamente do agente Murphy e sua procura por Pablo Escobar. O traficante ficou famoso em meados da década de 1980 pelo seu grande império de cocaína e toda a violência que trouxe para a Colômbia. Juntamente com a direção de José Padilha e atuação de Wagner Moura, muitos conseguiram encontrar semelhança na forma que o roteiro é contado com o filme Tropa de Elite (não que isso seja um defeito).
Por possuir um background tão histórico, houve bastante crítica na forma que os acontecimentos são retratados, ou até mesmo o fato da série privilegiar o lado da polícia (DEA). Juan Escobar, filho do traficante, alega que a série não possui uma cena em que o protagonista esteja chorando, não mostrando o lado sentimental do pai que ele se lembra. Porém venho aqui lhes dizer que, graças à atuação de Wagner Moura, o espectador se aproxima muito da vida de Pablo e ainda assim consegue ter momentos de empatia, tentando entender a razão de toda a criminalidade. Em nenhum momento vejo apologia ao tráfico ou a violência, a produção aborda muito bem os temas, mostrando sempre os rastros que o traficante deixou para trás, tantas mortes e vidas devastadas.

Além de nos envolvermos tanto com o protagonista, a série nos apresenta figuras coadjuvantes tão importantes para ter o entendimento do que ocorria naquela época, desde policiais que mudaram a sua vida para conseguir capturar Pablo quanto ao envolvimento dos jovens colombianos no tráfico.

Narcos é o tipo de série que quando você termina a temporada, corre para o Google e fica espantado com tanta veracidade nas cenas mais impressionantes. Pela sua importância cultural e qualidade impecável, tanto de fotografia, atuação, direção, trilha sonora e roteiro, a obra ganhou seu destaque em 2015.

¿Plata o Plomo?

Esse texto foi escrito por: Juliana Santana
Comentário(s)
0 Comentário(s)