Conheça: Man Seeking Woman, a melhor pior série da atualidade

Por Bruno Ganem

10 de fevereiro de 2016

                                                     SPOILERS ABAIXO:
Você provavelmente nunca ouviu falar dessa série, muito menos do canal FXX, mas sim, eles existem e estão conquistando todos aqueles que gostam do diferente, do novo, do inovador.

Man Seeking Woman aborda a vida de Josh Greenberg (Jay Baruchel), do seu melhor amigo Mike (Eric André) e irmã Liz (Britt Lower), focando exclusivamente na vida amorosa de cada um, mas sempre com uma pitada de surrealismo e hipérbole, no começo a estranheza é imensa, pois diversos tipos de pessoas e seres participam da história, lembrando até Bojack Horseman, mas as histórias e casos amorosos relatados combinam perfeitamente com esses exageros e você percebe que se sem esses extremos nada ali funcionaria.
Pelo fato da série conter alguns excessos, muita gente pensa que o show é besteirol puro, mas não é, pois retrata fielmente várias situações vividas por nós em momentos das nossas vidas, e é nesse momento que você percebe a genialidade da série, pois várias respostas ficam nas entrelinhas, basta você perceber, mas não é nada complexo, portanto, o espectador consegue compreender tudo.

O mais curioso da série, como falei anteriormente, é sobre a questão dos exageros, em uma cena da segunda temporada, que começou mês passado (Janeiro), Josh conversava com uma garota e ela simplesmente morreu de tédio, literalmente, devido ao fato dele ter monopolizado a conversa e ter puxado assuntos não tão interessantes, essas questões chamam muito a atenção e o torna diferente das demais. Também, Man Seeking Woman brinca com o mito do papai noel, cupidos, relacionamento entre homem e um carro, tudo é mostrado na série, funcionando até como um procedural.
O show, que está em seu segundo ano, peca um pouco pelo desenvolvimento da série, muitas coisas acontecem com os personagens e eles não aprendem, dando uma estagnação na trama, essa talvez seja a minha única crítica negativa sobre Man Seeking Woman. Outro ponto importante é que a série, apesar de ser comédia, não é tão engraçada, você ri, mas não chega a dar gargalhadas, mas nada que tire o brilho, são 21 minutos que passam voando.

Apesar de ser muito boa, tenho que admitir que a série claramente dá sinais que não vai durar muito, aceitando, no máximo, mais uma temporada. Digo isso pois a trama não evolui, mas os fatos mostrados merecem ser vistos pelo maior número possível de pessoas, é inevitável não se identificar em algum momento, também, por ser um diferente tipo de comédia, com uma outra linguagem e ambientação torna a experiência de assistir Man Seeking Woman a mais válida possível.

OBS¹: A série é ambientada no Canadá, para quem quer conhecer um pouco mais o país MSW pode ser uma boa pedida.

Esse texto foi escrito por: brunoganem
Comentário(s)
0 Comentário(s)