The Flash S02E03/04 - Family Of Rogues/ The Fury Of Firestorm

Por Lorena Alvarenga

2 de novembro de 2015


SPOILERS ABAIXO:
Mais dois episódios dessa segunda temporada de The Flash foram apresentados e mais uma vez confirmaram a inconstância de momentos que a série vem enfrentando até agora nesses quatro episódios exibidos. Talvez seja porque a série venha de uma primeira temporada muito bem feita e ao explorar coisas novas ainda não tenha conseguido atingir o nível ao qual nos acostumamos, ou talvez seja o claro objetivo de preparar o terreno para Legends Of Tomorrow que venha bagunçando um pouco as coisas, mas seja qual for o motivo, temos perdido uns bons minutos de episódio presos em histórias entediantes esperando até que os momentos que valem a pena cheguem.

Family Of Rogues foi de longe mais interessante que The Fury of firestorm e até o mais interessante dos episódios até aqui nessa temporada, a história do Captain Cold foi bem mais envolvente e conseguiu com a dose certa de emoção prender do começo ao fim em um episódio muito bem escrito. Se aprofundar na história de Snart é um prêmio para quem assiste a série pelo enriquecimento que o personagem traz, ele é interessantíssimo e a atuação de Wentworth Miller (<3) é incrível. É claro que ao contar essa história a intenção é de explicar a (não sei se seria a melhor palavra) transformação de Snart, já que em LOT o personagem não será um vilão, e The Flash conseguiu com maestria mostrar que o personagem não perderá sua essência e que de um jeito novo continuará mantendo o que o torna tão bom de acompanhar.
Já o quarto episódio deixou muito a desejar em vários pontos, principalmente se tratando de emoção. A busca pela outra metade de Martin Stein foi mais que entediante e quase um desperdício do personagem, já que Stein se destacou nessa segunda temporada fazendo uma boa parceria com Cisco. O pior de tudo é que nem o bom desenvolvimento da Caitlin com todo aquele drama de ter que achar um substituto para o marido melhorou as coisas e os minutos se arrastaram.

Tudo o que o episódio inteiro não fez o finalzinho conseguiu, a aparição do Rei Tubarão atacando Barry me surpreendeu muito já que depois daqueles longos minutos de episódio tinha esquecido que Patty tentou procura-lo. Esse provavelmente teria sido o melhor momento do episódio se não fosse por Wells, sempre ele. Seja da Terra-1 ou da Terra-2 ele sempre causa impacto, eleva o nível da série e principalmente consegue mexer com Barry de uma forma que quase qualquer outra coisa não conseguirá.  Não tenho claras as intenções desse outro Harrison Wells, apesar de na Terra- 2 ele ser considerado herói as possibilidades são enormes. Mas de um jeito ou de outro essa solução que encontraram para trazer Tom Cavanagh de volta me agradou, seria uma pena se não o fizessem.

Desde que a temporada começou venho elogiando repetidamente esse novo caminho dado a Iris, de personagem desnecessária/super irritante ela passou a ser um bom escape para os momentos mais chatos e tem tido seus dramas bem desenvolvidos. Entre o quarto episódio chato e o final salvador o desenvolvimento da história dela com a mãe foi um bom motivo para continuar assistindo o episódio, o amadurecimento da personagem desde a primeira temporada é gigante e ficou bem evidente ao vê-la lidando com todas as descobertas de uma forma boa de assistir. O que é muito bom para nós já que essa cota de drama está longe de acabar agora que sabemos desse tal irmão, isso tudo indica que muito provavelmente Wally West vem por aí na história.
E se a temporada tem mostrado inúmeros pontos negativos até agora, Barry certamente não é um deles. Mais maduro depois de todos os acontecimentos com Wells, mais feliz depois da soltura do pai, os rumos do personagem tem sido ótimos, o crescimento como herói inegável e os momentos dando conselhos ao Joe melhores ainda. E depois do conselho do Joe que abriu caminho para uma possível chance de Barry a Patty, pode ser que finalmente a vida amorosa de Barry siga o caminho certo.

Falando em caminho certo, apesar de todas as críticas em relação ao desempenho da temporada até aqui, as notícias parecem animadoras. Sem dar spoiler posso dizer que boas coisas estão por vir e se o desenvolvimento delas for tão bom quanto parece na teoria, a temporada tem tudo para melhorar o nível já nos próximos episódios.




Comentário(s)
0 Comentário(s)