The Big Bang Theory - S09E04 - The 2003 Approximation

Por Bruno Ganem

13 de outubro de 2015

SPOILERS ABAIXO
Em um relacionamento sério com TBBT
Como de costume, The Big Bang nos apresentou um episódio com piadas leves e plots simples, só que dessa vez todos colocaram a cabeça para funcionar e souberam pegar uma trama simplória e transformar em uma das melhores coisas que aconteceram nos últimos tempos em TBBT.

Primeiramente, nunca entendi o fato da Emily aparecer tão pouco na série, seu jeito estranho de ser e de viver é muito interessante e agrega muito ao show, é curioso o fato de que ela sempre cai como uma luva quando TBBT tem uma queda de qualidade. Um exemplo, quando a personagem involuntariamente deu uma de Yoko Ono, Howard e Raj protagonizaram uma linda demonstração de amizade. Agora, com a notícia de que a personagem tornou-se regular na trama, e expectativa é de que o nível aumente.
Falando sobre a dupla, Chuck Lorre teve uma baita sacada em trazer de volta o lado musical de Raj e Howard, quem não se lembra deles juntamente com o Sheldon cantando Under the Bridge, do Red Hot Chili Peppers? Com certeza foi um dos momentos mais épicos da série. E ver eles se apresentando na loja do Stuart, ensaiando, terminando a banda e compondo o hit "Thor e Dr. Jones" em vinte minutos de episódio foi muito, mas muito legal.

The 2003 approximation acabou se tornando um episódio especial, principalmente por ter lembrado The Office, onde haviam episódios nem tão engraçados, mas cheio de significados. TBBT conseguiu isso, pois a série finalmente andou.

Para finalizar, não posso deixar de falar da eterna novela Leonard/Penny x Sheldon, é impressionante como o casal nunca consegue finalizar um assunto, tudo relacionado a eles fica pendente e não tem resolução, e com Sheldon não foi diferente, mais uma vez não conseguiram sustentar a decisão de finalmente obterem a tão almejada privacidade
Ao contrário do que muitos pensaram, eu achei bacana a atitude do Sheldon de seguir a vida dentro da visão de mundo dele, "voltar no tempo" e esquecer o que aconteceu entre 2003 e 2015 é totalmente louco e sem noção, mas totalmente coerente quando se trata do Sheldon. Além disso, pela primeira vez eu percebi  a brecha para o Leonard e a Penny seguirem a vida, mas não foi dessa vez.

OBS¹: Nunca tinha reparado no fato de que a Bernadete e o Sheldon quase não se encontram na série, quando vi os dois juntos fiquei sem ação.

OBS²: Prepare-se, após ouvir "Thor e Dr. Jones" você dificilmente passará seu dia sem cantar essa música.
Por: Bruno Ganem




Comentário(s)
0 Comentário(s)