Dragon Ball Super - S01E11 - Let’s Keep Going, Beerus-sama! The Battle of Gods Continues!

Por Alvaro Luiz Matos

21 de setembro de 2015

Spoilers Abaixo:
Bills não consegue me convencer como vilão e esse é o grande problema de contar uma história que já aconteceu antes, mesmo que você utilize novas palavras para isso. Toda a surra que Goku levou nesse episódio e todas as provocações que Bills fez para que ele alcançasse o máximo do seu poder foram bastante convenientes, mas eu já estou assistindo essa luta pela ótica do treino.

O senhor da destruição não tem motivos para destruir a terra e nem interesse nisso, ele quer apenas uma luta de alto nível ao melhor estilo de um Deus. O problema é que ele já percebeu que o Goku só consegue se motivar e levar uma luta a sério quando envolve a vida de seus amigos e a defesa da terra.

Eu entendo que todos os fãs gostam do Goku bobo e piadista, mas eu sou da pequena minoria que gosta de vê-lo mais “Badass”, que gosta de ver o olhar sério e de quem quer vencer a batalha, não só brincar com o novo poder que tem. Pensando nisso, e vendo as últimas cenas eu vou ter que ir contra o que eu mesmo disse anteriormente e dizer que realmente essa transformação “juvenil” magrela e com cara de criança não convence nem na hora em que o Goku está realmente com sangue nos olhos para lutar. Basta ver as transformações anteriores e o olhar que ele tinha quando lutava com Freeza, Cel e com o próprio Vegeta. 
Gente, como eu ainda sofro em ver um monte de guerreiro que já foi bom não ser nada, nessas horas eu simplesmente acho que o fato de ninguém morrer na série é algo ruim para ela, já que com o tempo vamos acumulando um elenco inchado e desnecessário. E para piorar gastando tempo de tela com eles correndo atrás para ver uma luta.

Foi um episódio na média, daqueles bem clichês que serviram apenas para criar um momento de tensão e nos preparar para que a luta finalmente comesse de verdade (espero não continuar repetindo isso todas as semanas).

Comentário(s)
0 Comentário(s)