Conheça: How I Met Your Mother

Por Alvaro Luiz Matos

13 de maio de 2017

Como apresentar HIMYM para o público que ainda não conhece e despertar nostalgia nos que já conhecem? É simples, HIMYM é naturalmente uma série nostálgica que traz uma mitologia própria criada com o passar dos episódios e mantida com muito empenho pelos roteiristas.

A premissa da série é simples, Ted Mosby resolve contar aos seus filhos como conheceu a mãe deles, mas de uma forma nada direta ou precisa. Ted é daquelas pessoas prolixas e faz com que essa história fique bastante longa, interessante, engraçada e acima de tudo emocionante.

Por falar em emocionante, HIMYM é uma série que cria uma atmosfera dramática em torno de seus personagens, dando maior veracidade aos fatos e criando um laço muito forte entre o espectador e a série. Dessa forma é muito comum que você encontre fãs extremamente apaixonados por ela.

Dentro da história que Ted nos conta está contido todos os seus grandes amigos como Lily e Marshall, Barney e a novata da turma, Robin. Lily e Marshall são seus amigos desde os tempos de faculdade, onde Marshall além de ser seu colega de quarto sempre foi seu melhor amigo. Mas vamos com calma para darmos espaço para cada um dos personagens.

Marshall e Lily são namorados de longa data e agora dividem um apartamento com Ted. Marshall é estudante de advocacia e tem como sonho se tornar Juiz de direito e se engajar na defesa do meio ambiente, ele é do subúrbio e como tal tem uma família bem diferente. Já Lily é apaixonada por artes e até ensaia algumas pinturas, também possui uma família nada convencional, mas é de longe a personagem menos profunda da série.

Barney é o "pegador" da turma e o personagem mais engraçado em minha humilde opinião. Ele é tão bem interpretado por Neil Patrick Harris que você não acreditaria se eu dissesse que o ator é assumidamente Gay. O personagem ganha tanto destaque que passa parecer ser o protagonista da série em diversos instantes, isso se da ao quanto ele ganha profundidade com suas manias, livros, técnicas e loucuras. Aliais, ele é responsável pela maior parte da mitologia própria que a série cria. 

Robin é a novata da turma e já aparece no primeiro episódio da série, uma jornalista que sonha com uma carreira de sucesso. A personagem é canadense e foi criada como se fosse um menino pelo pai, apesar de linda e envolvente ela é sempre a mais direta da turma.

Acontece que a série tenta apresentar várias pessoas na vida de Ted e com isso rodeia a verdadeira Mother durante muito tempo. Por sinal essa é a parte mais interessante da série, pois os roteiristas criam diversas ligações, diversas pontas soltas e terminam a série sem deixar que alguma fique esquecida.

Vale mencionar novamente que a mitologia da série e que as diversas piadas internas que são criadas, fazem com que um episódio solto no meio da série possa ser muita mais engraçado pra quem acompanha do que pra alguém que caiu ali de paraquedas.

Não posso esquecer é claro de mencionar o polêmico final da série que dividiu opinião por desejos pessoais dos fãs. Mas pra você que adora uma série que liga as primeiras cenas ao seu final, sendo coerente com o que planejou, você vai adorar. Acontece que algumas das últimas cenas da série foram gravadas lá no início, o que mostra que o final além de planejado, foi bem guardado e bem desenvolvido, dando a impressão de que os autores em momento nenhum perderam de vista o que pretendiam fazer.

Pra encerrar HIMYM foi transmitida pelo canal CBS e possui 9 temporadas. E vou deixar uma dica: NUNCA, MAIS NUNCA procure no GOOGLE quem é a Mother, pois vai perder a graça.

Assista, pegue sua pipoca e se divirta que vale apena.
Comentário(s)
0 Comentário(s)