Arrow - S03E15 - Nanda Parbat

Por Lorena Alvarenga

15 de março de 2015


SPOILERS ABAIXO:
Duas palavras que definem bem esse episódio: Sem graça


Graças ao título do episódio, foi inevitável criar altas expectativas. Com esse nome e pela promo, no mínimo esperava um episódio muito bom, com bastante ação e digno do peso de Nanda Parbat. Ao invés disso, tivemos um episódio mais do que morno e que na maior parte só conseguiu entediar.

Thea nessa temporada cresceu incrivelmente, a personagem até aqui tem tido um grande espaço, e eu mesma já elogiei em várias outras reviews. Mas nesse episódio não funcionou, todas as cenas da personagem pareciam vindas de uma novela mexicana( e olha que gosto das novelas mexicanas) e até pra mim, ficou dramático demais, muito forçado e me lembrou bastante a antiga Thea. É obvio que ela tem todos os motivos para ficar mal e se lamentar, lidar com a culpa não é fácil e mesmo entendendo que as circunstâncias não são as melhores, foi bem chato aguentar tanta burrada.
Depois da Thea ter contado sobre a morte da Sara, pensei que um big drama viria até Laurel entender a situação toda, mas não poderia ter me enganado mais. Ela mal teve reação com a revelação da Thea, e tratou logo de direcionar toda sua dor e raiva pra Malcolm. Aliás, a diferença entre Malcolm e Laurel é imensa, todo mundo sabe, mas não precisava daquela cena ridícula da Laurel tentando matá-lo.

Essa notoriamente não é a melhor temporada de Arrow, até aqui tivemos alguns bons episódios, outros nem tanto assim e alguns bem sem graça. Mas a grande diferença até agora, é o espaço que o Oliver vem tendo.  Nenhuma série por melhor que seja vive apenas do personagem principal, é preciso que os personagens secundários sejam bem desenvolvidos para um bom andamento da história. Mas em Arrow a coisa vem sendo diferente, não só os personagens secundários vêm sendo desenvolvidos, como vem tomando muito espaço do protagonista.  Sempre aprovei o desenvolvimento do Roy, da Laurel como Canário, do Ray com o traje, da Thea e de todos os outros, mas ultimamente venho ficando incomodada com o pouco espaço do Oliver. O personagem cresceu muito desde a primeira temporada, passou por muitos momentos difíceis, se desenvolveu mais ainda na arte de vigilante e virou herói. Passou da hora de a temporada se dar conta de que a série é do Arqueiro e dar mais crédito ao personagem.
Quanto às cenas de Nanda Parbat, eu esperava mais. O interessante mesmo foi ver Malcolm implorando pela sua vida, o resto foi bem mais ou menos. A grande surpresa ficou por conta de Ra's Al Ghul querendo Oliver como seu sucessor. Oliver obviamente não vai aceitar, mas vai ser interessante de ver.

P.s*: Gostei do traje ATOM, mas não fiquei tão impressionada.

P.s**: Só eu tenho preguiça da Nyssa?

P.s***: Até que as cenas do Ray com a Felecity não foram ruins...

P.s****: Diggle sempre maravilhoso.

P.s*****: Os flashbacks maravilhosos como sempre. Difícil do Oliver voltar para Starling, Amanda não desgruda.
Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)