Homeland - S04E06 - From A to B and Back Again

Por Marcus Vinícius

9 de novembro de 2014

SPOILERS ABAIXO:
Finalmente Homeland exibiu um episódio que fez com que todos nós não estivéssemos preparados para tamanha consequência.

Primeiramente começo a falar que depois de alguns episódios de construção de um plano,finalmente pudemos ver Carrie colocando-o em prática. A ideia genial de colocar um rastreador no passaporte do Aayan foi um das melhores coisas que ela poderia ter pensado, mesmo que com o perigo dele deixar o passaporte em qualquer lugar ou até mesmo se livrar dele as coisas pareciam caminhar bem.

Quando Aayan foi ficando mais próximo de seu destino e acabou ligando para seu tio primeiramente e marcando todo o reencontro fiquei apreensivo pelo que estava por vir, afinal desde que ele entrou naquele ônibus eu imaginei que alguma coisa ruim fosse de fato acontecer. E sobre aquele telefonema para a Carrie hein? Nossa todos da CIA ouvindo que ele amava ela e vice-versa, juro que por um momento ela queria que tivesse um buraco no chão para se esconder (e quem não?).

Enquanto isso, Carrie apenas preocupada com o Aayan eis que depois de tanto tempo o Quinn descobriu que o Saul não estava de fato em casa e muito menos embarcou no avião (até aí todos nós sabíamos disso), mas o que me deixou com a cara no chão foi ver todos descobrindo que Haqqani estava com Saul.
E depois da morte surpreendente do Aayan, e da descoberta que o Saul estava com eles naquele momento, ver Carrie mandando atirar em todo mundo me deixou apreensivo, afinal era o Saul quem estava lá,seu parceiro, pai postiço e ombro direito e vê-la descontrolada me deixou aflito com toda aquela situação. E o que seria de Carrie se não fosse o Quinn?

Fara não foi destaque no episódio, mas achei bem justo ela passar na cara de Carrie que a investigação só funcionou porque ela foi atrás de investigar e descobriu que Haqqani estava vivo. Juro que nesse momento a Carrie mereceu um pouco disso, até porque ela ultimamente não estava valorizando os seus parceiros de trabalho.

Enfim, o episódio acabou e confesso que fiquei com pena do Aayan, não apenas por ter perdido praticamente toda sua família, mas também por procurar na Carrie alguém que pudesse amá-lo( segundo suas intenções) mas que infelizmente teve um final trágico. Não me espantei quando Carrie se desesperou, afinal ela de certa forma se apegou ao garoto (se é que você me entende) e também tentou suprir a falta do Brody, porque querendo ou não ela ainda sente.

Aí sim vi vantagem em assistir o episódio de Homeland, muito bom e ainda com um final chocante, ansioso para o próximo episódio! 


Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)