Marvel's Agents Of S.H.I.E.L.D. - S02E03 - Making Friends And Influencing People

Por Helena Souza

11 de outubro de 2014

SPOILERS ABAIXO:
Depois da promo desse episódio, que assistimos na semana passada, foi difícil esperar até esse 2x03. Várias teorias apareceram, pois era inconcebível a ideia de que Simmons realmente fosse trair a SHIELD..

Uma delas era de que ela havia sido hipnotizada, como a promo mostrou uma outra agente sendo, e a outra era de que ela estava infiltrada. Não é um big spoiler se eu falar que ela estava infiltrada, não é mesmo? Era a coisa mais óbvia que nossa mente aceitava ser de verdade. O plot dela vai ser muito bom! Apenas acho que eles deveriam ter feito por mais algumas cenas, no episódio mesmo, sobre em que lado ela estava, pois logo no começo Coulson já aparece falando com ela sobre como estava sendo sua missão. Tanto que o nome do episódio foi sobre o plot dela, olha o nível que nossa geniazinha está alcançando.


Falar de Simmons e não lembrar de Fitz é como falar de arroz sem lembrar de feijão (ok, tenho consciência de que há comparações melhores). E pertence a Iain De Caestecker a melhor atuação do episódio. Na minha opinião. Fitz, apesar de estar com a capacidade mental limitada, não está bobo, ele percebe que a equipe está escondendo algo dele, apesar de Mack - personagem que eu estou gostando - tentar convencê-lo do contrário, ele não acredita e vai até onde está a tal fonte de informação deles. E é aí que vemos a maravilhosa atuação de Iain. O que você faria se, de repente, ficasse cara a cara com a pessoa responsável por quase te matar e responsável pelos danos permanentes em seu cérebro? Pois bem, todas as negativas emoções possíveis passaram por ele, eu fiquei encantada com a maneira que o ator conseguiu demonstrar, me fez sentir a torturante visão de encontrar com quem desgraçou sua vida. Cada dia mais eu acho difícil perdoar o Ward. A série pode até perdoar um dia, mas eu sempre vou ficar com raivinha dele. Afinal, ninguém mexe com Fitz-Simmons!

Ward vem sendo "sincero" com a equipe de Coulson, sincero entre aspas porque eu não consigo acreditar, mesmo sabendo que as informações que ele está dando são verdadeiras. Ele avisou Fitz sobre a HYDRA, devido a missão que eles saíram para cumprir, mas de uma coisa eu concordo com ele: enquanto a SHIELD está pensando em ser certa ou errada determinada ação, a HYDRA já está fazendo, sem se importar. Sim, é isso que diferencia uma ser boa e a outra ruim, mas não deixa de ser verdade. Fazer as coisas da maneira certa, pode atrasar, sejamos francos. Mas ainda bem que sabemos que sempre quando escolhem fazer as coisas da maneira certa, tudo dá certo no final. Esse é o sentido de todos torcemos para o certo, né?

Mas qual missão era essa que tanto SHIELD quanto HYDRA estavam (em lados opostos, sejamos claros)? Lembram daquele episódio da primeira temporada em que a equipe vai para o local de 'graduação' SHIELD e o tempo fica horrível por causa de um equipamento que dois alunos fizeram? E que no final do episódio, Donnie Gill, o garoto que influenciava, mostrou que desenvolveu um certo tipo de poder de congelar as coisas? Pois bem, ele está de volta. Fugiu das garras da HYDRA e tentou fugir para ter uma vida normal, mas sem sucesso, ele acabou sendo encurralado pela HYDRA, mas, quem 'salvou' no final foi a Skye. A mais nova badass da história - não me canso de repetir isso!

Simmons está sendo bem sucedida em sua missão, mas, ao contrário do nome do episódio, não é por fazer amigos que ela conseguiu isso, é por 'salvar' a vida do cara da HYDRA - não decorei o nome láláláa -, com isso ela ganhou um voto de confiança e saiu do laboratório subterrâneo para os andares de cima da organização. Mas... ela ainda corre perigo ali dentro.


O motivo de Simmons ainda correr perigo na HYDRA mesmo com esse voto de confiança? Bom, a organização tem um modo nada comum de fazer as pessoas serem leais a ela, é por meio de uma espécie da lavagem cerebral, onde o processo é lento e agonizante para quem é a 'vítima'. O episódio mostrou a Agente 33 passando por ele e também mostrou que Donnie também passou por isso - mas, no caso dele, ele conseguiu se livrar por um certo tempo. Simmons corre perigo de ser pega e sofrer dessa lavagem. Como se já não bastasse Fitz limitado, não aguentaria ver Simmons contra a SHIELD. Essa série só me faz sofrer.

Quando ficamos sabendo sobre essa lavagem cerebral, sei que alguns torciam para que o Ward tenha sofrido, não é mesmo? Daí a missão de perdoá-lo seria menos difícil, já que ele não estava em sua consciência. Mas ele desfez qualquer esperança quando disse para Skye que nunca passou por isso. Ainda insistiu na tecla de que era fiel ao Garret e não à HYDRA. Continuamos livres para não perdoá-lo. Ufa. Mas uma coisa que eu não havia pensado, apenas comecei a me preocupar depois que uma amiga jogou a ideia: no episódio, Ward finalmente falou para Skye que sabia sobre o pai dela, até aí ok, mas, todos sabemos que ela entrou na SHIELD como agente para saber mais sobre suas origens, Coulson não fala nada para ela, Ward tem as respostas, será que é possível que ela "ignore" todas as besteiras que ele já fez e aceite a ajuda para encontrar seu pai?

Siga Nosso TWITTER - Curta nossa FANPAGE - Conheça nosso GRUPO no Facebook

Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)