THE STRAIN - S01E05 - "RUNAWAYS"

Por Louren Mayara

17 de agosto de 2014

SPOILERS ABAIXO
No quinto episódio de The Strain, recebemos respostas para as interrogações que ficaram no ar nos episódios anteriores. Seguindo a linha da história, começamos o episódio  vendo a situação da infecção de um dos  “sobreviventes”  o Sr. Bolivar, que já está totalmente controlado pelo vírus, e não consegui controlar os instintos e a sede por sangue. 

Essa parte da série, foi muito bem explorada nesse episódio, a dois assassinatos cometidos pelo Sr Bolivar, em um cenário extremamente perturbador, todas aquelas velas, manequins e adornos deixaram o clima bem típico de um covil de vampiros, afinal, não tem como ver o Gabe e não ligar a imagem ao Drácula.
Ao decorrer do episódio vimos o Sr Abraham dividindo suas experiências  passadas  com o Dr. Ephraim , sobre o vírus, a mente por trás do plano a quem ele chamou de O Mestre, e é claro sobre as criaturas que se alimentam do sangue de suas vítimas, os Strigoi.

Em uma cena bem singular de uma conversa entre duas pessoas, foi explicado de uma forma simples o incidente com o avião e as características dos Strigois. E então fomos levados em uma viajem no tempo para Polônia (1944) para enfim descobrimos o começo da história do Jovem Abraham e sua relação com o sobrenatural. Um flashback muito bem dirigido, em um campo de concentração militar, sinto que foi minha parte preferida do episódio, adoro o jeito de usar o passado em forma de flahsbacks, para explicar situações do presente de uma forma muito interessante e eficiente.

Os atores Corey Stoll e David Bradley interagiram bastante nesse episódio, se conheceram, conversaram, até certo ponto intimamente, e foram a caça de Strigoi também, os dois formam uma dupla bastante incomum (“você atordoa e eu dou o golpe final”) mas que de certa forma vai dando certo, espero ver evolução entre a relação dos dois, ao longo da temporada.
Nesse episódio a retrospectiva da Dr Nora e do Vasiliy Fet (Controle de Pragas), foram usadas para um bem maior. Com algumas cenas e diálogos tediosos, seus núcleos foram responsáveis por mostrar finalmente onde os 200 mortos-vivos do avião estão se escondendo por causa da intolerância a luz do sol, colocando todos aqueles adoráveis ratinhos inocentes para fora de suas casas. 

E mais uma demonstração do pânico causado por essas criaturas em um ataque  em público. Gerando consequentemente fugitivos (Runaways), que realmente merece o nome do episódio, afinal, vimos exemplos durante todo o desenrolar das situações, desde os ratinhos à empregada inteligente da Sr Joan.

Dando continuidade a estabilidade que vem tendo a série, o episódio 5 (Runaways) nos trouxe mais peças do grande quebra-cabeça que vem se tornando The Strain, de uma forma que se encaixam e nos predem aos mistérios que vem sendo desvendados aos poucos, só nos resta esperar para ver o desespero causado pelos Strigois.



Assista a promo do próximo episódio:


Comentário(s)
0 Comentário(s)