SUITS - S03E14/15 - HEARTBURN/KNOW WHEN TO FOLD 'EM

Por Poliana Mendes

10 de abril de 2014

Carreira ou amizade? Sucesso ou gratidão? É minha gente, a vida não foi nada fácil para o nosso amigo Mike nesses dois episódios e tudo isso graças a uma boa reviravolta na trama da série, o que convenhamos, estava precisando.

Fazer as reviews de Suits estão sendo complicadas nessa terceira temporada, mais precisamente na volta do hiatus longuíssimo que a série teve. Por muitas vezes os episódios se mostram desconexos e fazem pouco sentido na história da trama no geral, acho que fiquei mal acostumada no qual os casos da semana não eram só casos da semana, mas traziam algo a mais para o futuro da série (coisa que a segunda temporada fez brilhantemente).

Em Suits já tivemos tantas participações especiais, tantos casos mirabolantes sendo resolvidos até com uma certa facilidade que fica difícil lembrar de todos que já passaram pela firma, desculpem a minha falta de atenção, mas não consigo lembrar se a maioria das participações já apareceram na série anteriormente (tirando Tony Gialopolous).
O destaque à Mike e toda essa história de querer crescer na vida, mas por conta da ilegalidade fica difícil e enfim ele recebendo uma proposta de emprego no qual poderia sair de toda essa confusão, foi um dos maiores acertos dessa confusa e complicada terceira temporada. Claro que a amizade entre ele e Harvey seria colocada em questão, a gratidão do associado pela firma e por todos que descobriram o seu segredo mas mesmo assim não contaram para todos, mas só a oportunidade de poder seguir uma vida totalmente nova e onde literalmente o céu é o limite, é uma oportunidade que não se pode jogar fora. Eu sinceramente gostaria de ver essa mudança repentina na série, como seriam os novos ares, como seria um embate entre Harvey e Mike, eu gosto e admiro quando os roteiristas se arriscam, quando eles saem do feijão com arroz e tentam algo totalmente novo e inesperado, e é exatamente isso que Suits está precisando.

Se eu falar que estou cansada de todo esse mimimi do Harvey vocês não me batem? Pois é! Que chatice! “Estou mal mas não posso te contar o que é.” É mimimi demais para o meu gosto! Scotie praticamente sacrificou sua vida e quase se lascou na sua carreira por causa do seu amado e mesmo assim ele não pode se abrir com ela? Eles não são advogados? Façam um contrato de sigilo do relacionamento dos dois e pronto, ambos saem ganhando e não haveria tanta briguinha por coisa besta. Afinal, todos sabem que Mike nunca foi pra Harvard, o que seria mais uma no meio de tanta gente?!

E o Louis hein?! Até que enfim deram algo construtivo e legal para a sua história, seu ataque no coração, o pedido de casamento, as descobertas que mesmo amando não se pode ter tudo, pois cada um tem seus sonhos e suas vontades. Eu estava sentindo falta desse Louis e não daquele bobalhão que todos manipulavam quando queriam. Ainda conseguimos ter uma ótima interação entre Katrina e Rachel, o que só mostra que a primeira pode crescer muito na série.
Todos sabemos que para chegar onde chegou, Jessica conquistou mais inimigos que amigos, ela é uma mulher forte, decidida, inteligente, que não se deixa abater por qualquer coisa e ainda por cima é uma “bitch” no melhor sentido da palavra. Ela não tem medo de dizer não e manipular as palavras ao seu favor, afinal é isso que os advogados fazem de melhor. Mesmo não gostando de muitas atitudes da personagem, ela é uma das mulheres mais fortes no mundo seriador e que todo o seu sucesso foi conquistado com competência e não por ser mulher.

Com um episódio faltando para o final da temporada e possivelmente Mike ficando na Pearson & Spector, tudo o que andou legal nesses dois episódios para uma reviravolta interessante voltará à estaca zero e mais mimimi sobre a descoberta do Mike deve vim por aí, já que é nisso que a série está se sustentando já faz um bom tempo.

P.s.*: Essa é minha última review durante um tempo, por motivos acadêmicos, terei que me ausentar das reviews, mas sempre que puder estarei marcando presença na nova coluna RESUMO SEMANAL, o que vai ser melhor ainda, pois poderei falar rapidamente sobre mais séries e não só as que eu faço review. Obrigada pela atenção e audiência galera!


Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)