THE BLACKLIST - S01E17 - IVAN

Por Lorena Alvarenga

26 de março de 2014

SPOILERS ABAIXO:
O episódio da semana teve uma pegada meio Fortaleza Digital.

Tudo começou da forma como estamos acostumados, na primeira cena fomos apresentados ao criminoso. Conhecemos Ivan e descobrimos tudo sobre o seu “trabalho” e descobrimos também que ele não era o criminoso da vez (ele serviu apenas para devolver o dinheiro do Red com juros e correção monetária hahaha). Essa semana os roteiristas resolveram apresentar um bandido sem a mesma sofisticação dos anteriores, Harrison Lee não passou de um garoto esquisito e muito assustador (MUITO!), que usava suas muitas habilidades em computador para benefício próprio. O garoto foi se apaixonar logo pela filha do desenvolvedor de um projeto do governo e todos seus crimes foram motivados pela sua paixão adolescente (medo eterno desses caras obcecados).
Paralelo ao caso da semana teve uma investigação sobre o desaparecimento de Jolene, tudo começou com Mr. Kaplan (amor sincero pela senhorinha badass) achando os corpos dela e do caubói, Red usando toda sua esperteza ligou para polícia e deixou que tudo se encaminhasse. Liz tomou conhecimento do assunto e logo foi pesquisar tudo sobre Jolene e chegou ao local que Tom a matou. A promo desse episódio me deixou com a expectativa muito alta, principalmente sobre a cena da Liz com o Tom.
O episódio foi bom, gostei do envolvimento da Liz com o episódio todo e principalmente da cena do Red mostrando a caixinha de música pra Liz. Outro acerto da série é que mesmo tendo os casos da semana os roteiristas estão desenvolvendo bem a história dos personagens e aos poucos (mas sem tanta enrolação) ficamos sabendo sobre o passado deles e a história vai se encaminhando.

As expectativas para os próximos episódios seguem altíssimas, agora que Liz já descobriu sobre o Tom as coisas vão começar a esquentar. Depois desse episódio a relação dela com Red se estreitou ainda mais e Tom é que se segure porque as coisas vão ficar feias para o lado dele. Além de toda a ação podemos esperar um pouco de drama, afinal você não descobre que seu marido é um psicopata e passa por isso sem umas boas lágrimas. Eu espero é que Liz e Ressler juntem todos seus dramas e se consolem juntos.


P.s*: Bem que poderiam aumentar essas breves e esporádicas aparições de Mr. Kaplan, a série  ganha com a presença dela.

P.s**: Ressler merece um abraço.

P.s***:  A cena da caixinha de música entrou fácil para o hall das mais fofas.




Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)