BATES MOTEL - S02E03 - CALEB

Por Poliana Mendes

20 de março de 2014

SPOILERS ABAIXO:
O descontrole emocional de Norma está cada vez mais forte.

Se tem uma coisa em Bates Motel que podemos dizer com certeza é que Norma tem um desequilíbrio emocional enorme, desde a primeira temporada isso é claro para nós espectadores. Mais claro ainda é como ela se sustenta em Norman para parecer mais “normal” e controlada, o que muitas vezes acaba não funcionando, tendo em vista que seu filho também é um descontrolado.

Problemas familiares causados na infância, geralmente são irreversíveis, ainda mais um estupro. São marcas levadas para o resto da vida da pessoa abusada e não é um pedido de desculpas depois de não sei quantos anos que irá acabar com toda a dor passada.  Norma tenta com todas as suas forças ser uma mulher igual às outras, tem um empreendimento estável até o momento, tenta participar de eventos da sociedade da cidade (mesmo não sendo muito fã desse tipo de coisa), procura as suas formas de mostrar à seu filho mais novo que tem uma vida toda que ele pode ser vivida. O grande problema nisso tudo é que nem sempre o que ela acha certo, é realmente o certo, ainda mais para Norman.

Me surpreendi quando o peguete da nova personagem “deu em cima” de Norman, ele ficou tão incomodado com aquilo que decidiu ir embora na hora. Mas quando Coddy dá risada de toda a situação e insinua que o garoto Bates é gay ele não se sente muito bem com a colocação da garota. Até achei que demorou um tempo para insinuarem sobre a orientação sexual de Norman, afinal para a sociedade em que vivemos, um garoto calado, educado, “menininho da mamãe”, bem vestido já é taxado logo como gay. A adição de Coddy aos personagens foi ótimo, pois ela é a amiga que faltava na vida de Norman.


Nesse início de 2ª temporada vemos muito mais um foco em Norma do quê no seu filho e nesse episódio não foi diferente. Tudo girou ao seu redor, desde a volta do seu irmão estuprador em busca de perdão, passando pela festa com nomes importantes da sociedade e terminando com mais uma vez seus dois filhos brigando por sua causa.

Fiquei surpresa com a visita de Caleb, mais ainda foi Dylan se deixar acreditar no que seu tio/pai falou. Se tem um tipo de pessoa que eu desejo só coisas ruins são os estupradores, só por que você é mais forte que alguém e quer algo íntimo com ela, não lhe dá o direito de usar disso ou de qualquer outra forma para fazer acontecer, não é não. Ainda mais quando é uma criança que não sabe nem o que é sexo e como tudo isso a influenciará no futuro.

P.s.*: Vera Farmiga tá mais linda a cada episódio!

P.s.**: Vamos melhorar essa poker face Norman Bates.

P.s.***: Dylan pode se meter em problemas por causa do seu chefe e agora a descoberta do seu pai.

P.s.****: O que será que rola na casa da Coddy para ela ter que entrar pela janela?


Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)