THE CRAZY ONES - S01E06: HUGGING THE NOW

Por Marcus Vinícius

6 de novembro de 2013

SPOILERS ABAIXO:
Quando eu pensei que estava começando à assistir o episódio, eis que ele termina.

Sydney mais uma vez foi a protagonista, afinal todas as coisas giravam em torno dela. Sarah Michele já vem conquistando o seu lugar bem significativo na série, além do carinho pelos fãs( alguém ainda duvidava disso?). Pois bem, dessa vez Sydney teve que encarar uma paixão de seu passado, além de descobrir que esse mesmo iria disputar um prêmio de melhor publicitário com seu pai, difícil decisão não é?

O dito cujo, o Josh que arruinou o coração da pobre Sydney pela segunda vez (e que por ironia do destino também é publicitário e concorrente ao prêmio do ano do seu pai), ainda conseguiu roubar a ideia do Simon, pode uma coisa dessas? Sydney realmente não tem sorte no amor, ou será apenas que ela deveria dar uma nova chance para que algo realmente acontecesse com o Andrew? Espero que isso aconteça.

Fiquei surpreendido pela Lauren ter tido a grande ideia da publicidade para o Simon, ela parece um pouco lesada e tal, mas sabemos que naquela cabeça existe coisas ideias genias, até comecei a gostar um pouco mais dela. Mas espera aí, ela está indo tão bem à ponto de envenenar o Simon e ficar em seu lugar? rs.
Menções à série "Bones" e ao David Boreanaz não faltaram no episódio( Quem não se lembrou dos velhos tempos de Angel?), eu não assisto Bones, mas com certeza quem assiste as duas séries deve ter se divertido bastante e entendido bem as menções, é claro.

O episódio em si foi ótimo e tudo funcionou perfeitamente, mas afinal tinha como não ser perfeito com a trilha sonora "Eternal Flame"? Sim, esse foi um dos melhores finais, tudo que Sydney sonhou estava ali e com as pessoas que mais lhe apoiam e entendem( nem sempre), com isso de maneira direta ou não ela pôde considerar aqueles que estavam ali presentes parte de sua família. Sydney pôde ter tudo: um príncipe, uma dança e até neve ela teve, pra quê querer mais que isso?

TCO vem me conquistando cada vez mais nesses últimos episódios exibidos, o nível está muito bom, além de episódios bem divertidos. Engraçado é que eu demorava para assistir quando um episódio era lançado, ultimamente isso tem mudado e a série vem ocupando um lugar bem significativo na minha grade.

Vou terminar essa review com algumas observações: 1) O Zach começando a cantar "Eternal Flame" foi ótimo, ri bastante. 2) Robbin Williams foi ótimo o episódio todo, mostrando o seu outro mais sensível e o de precisar da ajuda dos outros. 3) Sarah como sempre tendo ótima atuações. 4) Quem tem o Andrew e o Zach como amigos, certamente não precisa de inimigos.

Texto de: Marcus Vinícius - @marcusviniz
Facebook: SériesEmFoco

Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
0 Comentário(s)