SONS OF ANARCHY - S06E07: SWEET AND VADED

Por Cajé Júnior

25 de outubro de 2013


SPOILERS ABAIXO:

Primeiramente, quero dizer que é de grande felicidade fazer parte da #FamíliaSériesEmFoco e mais feliz ainda em poder expressar minha opinião e revisar esta maravilhosa série Sons of Anarchy.

Como todos veem, é minha primeira review e estou ansioso para compartilhar opiniões sobre o episódio, sobre a série e até mesmo semear discussões saudáveis. Entretanto, começo com uma prévia rápida da minha preferência de gênero e séries (acredito que ajuda nas referências do que você estará lendo).

Diante do longo tempo que venho assistindo séries, atualizo periodicamente meu Top10 de todos os tempos na minha preferência. São as séries: Breaking Bad, Sons of Anarchy, Prison Break, Lost, Spartacus, Homeland, Dexter, How i met your mother, Game of Thrones e Person of Interest, respectivamente. Enfim, com todas essas referências, da para ter uma noção que gosto muito do Drama até a Comédia e das séries que demonstram bastante a realidade até as séries fictícias.

Bom, sem mais delongas, vamos falar do S06E07 (Sweet and Vaded) de Sons of Anarchy. Como já estamos no 7º episódio, ao longo das reviews eu vou dando algumas opiniões do que já rolou na série inteira, do que rolou nesta temporada e do que poderá acontecer.

Assim como no 06x06, esse foi mais um episódio para descontrair as desgraças que não param de acontecer em torno de SAMCRO, porém, não necessariamente deixa de acontecer mortes, dramas pesados e, principalmente, decisões difíceis.

O episódio começa mostrando o clube "juntando os cacos" que restaram após a explosão na sede. Logo depois, mostra que a Tara está determinada a levar essa trama junto com a Wendy até o fim, e, pra mim, isso pode dar uma merda tão grande. Sei não, eim!


Ainda temos o plot do Padilha. O que dizer dessa irreverente promotora? Oferece um acordo ao Nero pedindo um depoimento de acusação contra o MC e os membros do Sons of Anarchy referente as armas KG-9, em troca da sua liberdade. Essa é outra que não vai se dar bem com esse acordo proposto.

Opa! Mesa cheia, Bobby de volta, três membros aprovados no clube e... Rat também!! Uhul, esse vai dar trabalho ainda, podem anotar! hahaha E o Tig apenas sendo Tig né? "Sentar na mesa?!"- No, sit on my DICK! HAHAHAHA MITO

E como o episódio se desenvolveu em cima do drama do Travesti Vênus, o que dizer da história dela né? Com uma mãe dessas, homofóbica, que abusa do filho aos 10 anos de idade e faz filmes pornográficos com crianças, just DOENTIO.

E é justamente em relação a esse drama que eu digo: Por mais morno que seja um episódio dessa série, não deixa de acontecer mortes e dramas pesados. Jax mais uma vez toma uma decisão sendo o fodão, mesmo lacrimejando, metendo uma bala na cabeça dessa mãe psicopata que não parava de falar merda.

E o Tig? Tirou uma casquinha do traveco eim? (Morro de ri só com o olhar doentio dele pra cima do travesti kkkkkk). A propósito, é bem capaz de rolar um "algo mais" entre esses dois hahaha.

Por fim, a conclusão da estratégia da Tara. Evidentemente que o plano A era se envolver em algum contato de violência "maior" com a Gemma, mas isso não acontece, pois a própria deixa claro que não vai bater, justamente por causa "da filha que a Tara está esperando". Então o que ela faz? Plano B! Ela mesmo se machuca usando a bolsa de  sangue para conseguir evidenciar a perda da "filha".

Usei as aspas porque todos vimos que aquilo não passou de um fake. Um fake que eu particularmente já suspeitava, inclusive cheguei a comentar por ai na internet sobre isso, rsrs. Tara apenas provou a sua determinação e até onde ela está disposta a lutar por uma vida melhor para os seus filhos, mesmo que isso custe o amor dela pelo marido.

Desta forma, conclui a frase marcante do episódio, dita no início: 

"Difíceis circunstâncias requerem medidas desesperadas".

Alguém mais acha que isso vai dar merda? haha

Texto de: Cajé Júnior
Facebook: SériesEmFoco

Veja a promo do episódio:

Comentário(s)
4 Comentário(s)