SUITS - S03E09: BAD FAITH

Por Poliana Mendes

16 de setembro de 2013

 
SPOILERS ABAIXO:
Você acabou de ser Littado!

Esse episódio me lembrou muito os primeiros episódios da série, ágil, com muitas informações sendo despejadas na tela, várias reviravoltas para no final Harvey conseguir ganhar o caso, tudo bem que esse último não foi alcançado (ainda). Faltando apenas dois episódios para a summer finale e o caso Ava resolvido, Suits tinha que conseguir outro plot para prender os telespectadores e conseguiu.

Que Harvey é orgulhoso todo mundo sabe e a personagem que o fazia menos orgulhoso era justamente a Dana, sempre quando ela aparece na série vemos um Harvey mais humilde, com maior compaixão, por tudo que os dois já viveram no passado é claro, se fosse definir duas mulheres da vida dele com certeza seriam Donna e Dana.

Donna é a voz da razão de Harvey, sempre foi e por mais que todos nós torçamos para Darvey acontecer, é inegável que a relação dos dois vai além disso, vendo Donna pedir pra Harvey deixar o orgulho de lado e ligar pra Dana para saber dela como toda a história aconteceu, só mostra que a personagem se importa tanto com Harvey que sua principal meta é vê-lo feliz em todos os segmentos da vida. Pena que Harvey seja tão orgulhoso e tire suas conclusões precipitadas a cerca do caso.
Muitas vezes em nossas vidas isso acontece e agimos exatamente como Harvey, mas as vezes nem tudo é o que parece ser, esses casos em Suits que nos fazem sentir na pele dos personagens é um dos motivos que faz da série ser tão boa atualmente.

Se teve uma personagem que mais agiu de má fé nesse episódio sem dúvidas é Ava, ela nem precisou aparecer pra mostrar que pra ser fdp não necessariamente é preciso estar presente. Que mulher mal agradecida! Harvey foi até o fim do caso por ela, a firma toda se mobilizou por causa do caso dela para no fim ela simplesmente processá-los por negligência? Então se preparem para um overdose de Ava, Stephen e Darby na summer finale.

O namoro de Rachel e Mike estava muito bom pra ser verdade, quando reintegraram Katrina ao elenco e os dois fizeram um bom episódio trabalhando junto apesar da disputa, pensei que ela seria o pivô da primeira briga dos pombinhos, mas estava enganada. Todo esse lance do Mike usar Rachel para conseguir o acordo com o Zane foi feladaputagem da parte dele, super normal Rachel ter ficado brava com a situação. Mas o pior mesmo é saber que ela passou em Stanford e agora Rachel? Não tenho muita ideia se fazer Stanford é mais status que Columbia, ambas são Ivy League e se for a mesma coisa, não tem por que ela ir pra longe de tudo e todos, acredito que só será um mimimi para no fim ela e Mike provarem que o amor dos dois realmente vence barreiras.
O que é melhor a gente guarda pro final e que littástico foi esse episódio para o Louis hein?! No primeiro momento imaginei que tudo iria por agua abaixo por causa de uma gata. O esporro que Harvey deu nele foi muito bom e se ele não o fizesse, eu iria lá em NY só fazer isso, por que né gente, estragar uma negociação por causa de uma gata é demais. Katrina está para Louis assim como Mike está para Harvey, a química dos dois é ótima e ela mostrando como Louis é importante para a firma foi demais! Ganhou muitos pontos comigo!

Deu vontade de entrar na tela da TV e abraçar o Louis quando Harvey reconheceu toda sua importância não só no caso como para a firma toda, o que mais Louis luta dentro da empresa é por reconhecimento de Harvey, com certeza ele já poderá morrer feliz.

P.s.*: Tá pra ter alguma série atualmente que faça tanta referência à cultura pop como Suits!

P.s.**: Desculpem a demora da review, é que to no final de semestre na faculdade aí já viu a correria né gente? Mas episódio que vem espero que não atrase tanto assim =)

Texto de:  Poliana Mendes - @poliziinhaa
Twitter: @SeriesEmFocoWeb
Facebook: SériesEmFoco

Assista a promo do próximo episódio:
Comentário(s)
2 Comentário(s)