THE WALKING DEAD - 3ª TEMPORADA (RESUMO)

Por Alvaro Luiz Matos

16 de abril de 2013

Por: Mari Bomfim @marriebomfim

SPOILERS ABAIXO:
Mais uma temporada se foi, ficaremos órfãos de zumbi por uns meses, mas isso nos deixa  com tempo de pensar em tudo o que aconteceu com a 3ª temporada de TWD.

Eu já falei milhares de vezes que a melhor temporada de todas para mim foi a 1ª. Porque fomos descobrindo junto com o Rick um mundo completamente tomado por errantes. Na segunda temporada somos apresentados ao povo da fazenda e tudo fica um pouco parado, mas como sempre TWD acaba de uma forma maravilhosamente instigante, a gente fica assim... Ansioso para outubro.

Outubro chegou, terceira temporada também, e com ela uma maluquice atrás da outra: personagens antes esquecidos voltam, outros vão embora, morrem, assombram, telefonam...Fato é que TWD fala sobre a morte, então vamos relembrar um pouco sobre as mortes mais legais da 3ª temporada:



- Merle: não acredito que a morte dele foi uma forma de redimir o que ele fez, até porque eu tenho a leve impressão que o Merle era pra ser um personagem X e do nada desistem e transformam-no em outra pessoa, mas ok. Foi uma morte divertida [ele trollando os zumbis] e emocionante pelo contexto.

- Andrea: não gostava dela, acho Andrea uma personagem perspicaz de mais para ficar trouxa por causa do Governador, mas todo mundo me falava “é porque ela gosta dele, blábláblá” e ela veio com “eu não queria que ninguém morresse”, mas enfim, foi uma morte angustiante por isso leva o 2º lugar.
- Milton: ele não devia morrer!! Quem vai salvar o mundo?? Ele tinha contato com a morte o tempo todo, viu dezenas de vezes o povo se transformando, tinha contato com os errantes, mas era um teórico, o ver passando por tudo isso e ainda consolando a Andrea, o faz ter a nossa 3ª colocação.

- T-Dog: essa sim foi uma morte redentora, o T-Dog nunca fazia muita coisa mesmo, fazia volume no grupo e estava lá ainda porque ia servir para alguma coisa. E então teve a primeira invasão a Woodbury e T-Dog se redimiu de todas as vezes que não fez nada!

- Penny: ela já estava morta, mas merece ser lembrada pela espadada na cara, assim como, o prisioneiro que o Rick dá uma facada no meio da testa “merdas acontecem”.
Mas nesse seriado as pessoas apenas não morrem, elas surgem dos vivos seja em forma de zumbi ou em alucinações.

- Lori: ela virou quase um detector de “merdas irão acontecer”, se Lori aparecia era porque alguma coisa errada iria acontecer ou a decisão de Rick era errada! Eu achei que ela conversaria com ele, seria uma alucinação vingativa o deixando realmente louco, mas foi muito tranquilo e curta essa parte.

- Shane: ele nunca morre, na verdade ele foi a primeira “ilusão” de Rick, mostrando pra gente que alguma coisa não estava indo bem.

- Ligações para Rick: a melhor alucinação! Falando com todos os personagens que morreram! Fora a tristeza e decepção quando ele percebe que está ficando louco. Outra coisa que não mostra muito, mas dá a entender que essas ligações ocorrem várias vezes, mas novamente fica só subentendido e não é mostrado.
- Merle zumbi: o melhor zumbi de todos!! A cara dele olhando pro irmão! Impagável! Shane e Merle nasceram para ser zumbi!!

-Milton Zumbi: foi rápido, deu dó, mas Milton também virou zumbi e quis dar uma mordidinha na Andrea.

Novos personagens surgiram com o desenrolar da série seja para relembrar antigos encontros ou para unir o grupo ou destruí-lo.

- Milton: o nerd-cientista-amigo-do-cara-que-manda tentava se convencer de que o que eles faziam era normal, mas percebeu, um pouco tarde demais, que o Governador era maluco mesmo.

- Governador: o típico vilão: maluco, sádico, oprimido, narcisista, com sede de poder e habilidade para convencer as pessoas.

- Morgan: o cara já era maluco antes vai, mas enfim, fiquei super feliz dele ter aparecido, e transformado sua casa numa fortaleza, se duvidar acho que teremos outros encontros com Morgan futuramente.

- Tyresse e a irmã serão importantes para série, são espertos e Tyresse tem o poder de acalmar as pessoas.

- homenagem ao carinha da mochila vermelha: fiquei com muita dó do cara!! Mas foi um personagem importantíssimo para entendermos em que momento o grupo estava. Não dava para agregar mais ninguém, eles estavam exaustos e apenas tentando salvar suas próprias vidas. Mas ao mesmo tempo... e se o Glenn tivesse feito isso com o Rick quando ele estava preso no tanque?
Foram 16 episódios, alguns mais ou menos outros emocionantes, deu pra odiar alguns personagens, amar outros [muitas vezes o mesmo], xingar o Rick dezenas de vezes e aplaudir o Carl. Levei vários sustos no processo também [sim, eu assusto e converso com os personagens durante o episódio], mas dois episódios que são super destaques para mim: Episódio que a Lori liga e o que o Morgan aparece

Mas apesar de amar a série, tem coisas que achei horrível, cansativas e desnecessárias ou totalmente sem sentido:

- o episódio em que Rick e Phillip conversam: que papo mais chatoo! Eles conversaram muito cadê a ação??

- Andrea sendo a bitch da vez: a Andrea me decepcionou como personagem, mas sua morte também foi redentora [pra ela].

- colocarem Rick para vigiar: quem em sã consciência coloca um cara que tem alucinação pra vigiar com uma espingarda na mão??

- O governador sair ileso de todos os ataques, ele tem o poder de desviar de bala e zumbi... só pode!

-Governador arrancando o dedo às dentadas, isso não tem nem como explicar, arrancar dois dedos assim, com osso e tudo... não sei... ou o Phillip é um errante evoluindo ou nada disso faz sentido!
- Eu tenho que comentar que nessa temporada a gente tinha uma turma de piratas!! O velho com perna de pau, Merle – mão-gancho e Phillip, caolho! [super desnecessário esse comentário, mas eu precisava falar isso!!]

Por fim, temos a 4ª temporada garantida, mas até outubro temos muita coisa para pensar: Onde o Governador foi? Ele volta? Rick dará conta de cuidar da galera de Woodbury? Ele vai parar de ver a Lori e ficar são, ou o Carl vai tomar as rédeas da prisão? Carl se tornará um mini-Governador? Eles ficarão ainda na prisão?

Acredito que o Governador só vai aparecer no finalzinho da 4ª temporada, pra gente esquecer ele, dar um tempo pra série focar em outro drama, sei lá, ele é vingativo, maluco, vaidoso, vai tentar arrumar uma forma sádica para voltar por cima.

A galera de Woodbury está na prisão para um só motivo: ataque de errantes!  Claro, porque a prisão estava ficando sem personagens descartáveis, e se alguma horda aparecesse quem eles levariam? A cantora nº 1 do mundo pós-apocalíptico, Beth? O sensato da vez que dirige num carro adaptado, o velho Hershel?

Agora depois da horda, eu acho que eles deveriam sair da prisão e procurar outro lugar para ficar. Eu não ficaria naquela prisão, mas nem pagando. E vamos combinar que a primeira temporada é a mais legal porque eles estavam na estrada!

E vocês o que acham?


Texto de: Mari Bomfim - @marriebomfim
Facebook: SériesEmFoco

Veja a promo da próxima temporada:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentário(s)
0 Comentário(s)