GAME OF THRONES - S03E04: AND NOW HIS WATCH IS ENDED

Por Alvaro Luiz Matos

27 de abril de 2013

Por: Thamara Ribeiro - @Thamara_trs

SPOILERS ABAIXO:
Após o episódio mais cômico dessa terceira temporada nos deparamos com um cheio de reviravoltas.

Seguindo a linha de ótimos episódios, Game of Thrones preparou para esse 4º uma lista (quase) infinita de emoções, altos e baixos entre os diferentes núcleos da série e cenas surpreendentes. Aliás, GOT só tem acertado em tudo o que faz, acredito que grande parte dos que criticam é a que já leu os livros e ficam esperando que a série seja idêntica porque não tem muito do que reclamar dessa superprodução da HBO.

O início já é chocante, pois nos faz sentir um pouco incomodados com a situação de Jaime Lannister totalmente humilhado, sem seu costumeiro orgulho e o famoso amor próprio. Vamos analisar da seguinte perspectiva: um homem só é um homem de respeito se consegue desembainhar uma espada e usá-la de maneira que vença um combate. Agora se a mão que o homem costuma empunhar a espada for decepada para onde será que vai a honra dessa pessoa? Resumindo, um homem também chora, tenho dó de Jaime e não apenas eu como Brienne que o ajuda a reencontrar a vontade de viver.
Eu particularmente adoro a Cersei, gosto do modo como ela fala destilando seu veneno com delicadeza e sutileza jamais alterando a voz. É difícil alguém nutrir um sentimento bom por essa personagem, mas eu vejo tanta coisa nela além do desejo pelo poder, é claro que isso não é pouca coisa, porém vindo de uma Lannister é até aceitável. Mas se vocês prestarem atenção ao filho dela, Joffrey é incrivelmente doentio, o garoto é maldoso por natureza, sente um prazer singular em ver e principalmente causar a dor alheia. Cersei não, ela tem bom-senso, o motivo pelo qual ela luta todos os dias é a garantia do bem estar dos filhos assegurando que seus futuros estejam traçados da melhor maneira possível. Sofreu porque amou um homem que nunca lhe retribuiu este sentimento, sofre porque o pai não a vê tão importante como ela gostaria, por seu irmão/amante estar como prisioneiro e finalmente em ver Joffrey sendo manipulado por uma Tyrell tão ou mais ambiciosa que ela. Ufa! Palmas para Lena Headey!

Falando em Tyrell, Margaery está aos poucos mostrando ao rei um novo jeito de ver o mundo, e mais uma vez ela usou o povo cuja admiração está finalmente alcançando a realeza como há muito não se via por ali. Sansa é outra que está se deixando levar pelas palavras e gestos amigáveis de Margaery. Talvez isso seja bom apenas para que ela não fuja com Mindinho.

Eu não posso deixar de comentar sobre a cena de Arya. Ela está muito perto de conseguir que mais um nome seja cortado de sua lista e eu não tenho a mínima ideia do que realmente vai acontecer, prefiro esperar para ver no que vai dar.
As cenas surpreendentes ficaram por conta dos corvos que devido a essa mistura de sentimentos (medo + estresse + fome + frio) acabaram por se colocarem contra eles mesmos, até o comandante morreu e Sam fugiu com uma das filhas de Craster para sabe-se lá onde. Theon protagonizou a outra cena inesperada sendo levado de volta ao cativeiro pelo garoto que aparentemente o estava ajudando, eu não entendi muito bem o porquê disso. Talvez para conseguir a confiança dele e extrair de vez as respostas para todos os questionamentos que não obtiveram sucesso através da tortura.

Outro que me deixou de queixo caído foi Lorde Varys demonstrando que a vingança é um prato que se come frio. É impressão minha ou ele encomendou o tal feiticeiro que lhe mutilou quando criança? Ou será que o homem está sendo mantido ali há tempos e só agora foi mostrado?

Seguindo a mesma linha de raciocínio do episódio eu deixei o melhor para o final. Nossa amada “Daenerys nascida da Tormenta da Casa Targaryen do sangue da Antiga Valíria!”.
Eu não me contive de tanta emoção, sou suspeita para falar, amo essa personagem! Ela aguentou todos aqueles xingamentos e calculou um plano perfeito calma e friamente com total certeza de que tudo daria certo. Tem como não amar? É só rever os últimos episódios das duas temporadas anteriores e ver que ambas terminaram com Daenerys dando uma reviravolta de tirar o fôlego.

Sobre o futuro dela eu tenho dois pensamentos: no primeiro sinto que ela vai ganhar esse trono de ferro e no outro eu a vejo sofrendo por que não é a única que deseja loucamente o trono e eu não quero que ela morra, ou vire prisioneira ou termine sozinha.

A série sempre mostra a importância de Dany nesses pequenos espaços, ela cresce muito em fim de temporada. A pergunta que não quer calar é: Como será o final dessa terceira temporada?

Twitter @SeriesEmFocoWebRelated Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Facebook: SériesEmFoco

Veja a promo do próximo episódio:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentário(s)
5 Comentário(s)