SPARTACUS – S03E02: WOLVES AT THE GATE

Por Alvaro Luiz Matos

5 de fevereiro de 2013

Por: AlvaroLuizMatos - @AlvaroLuizMatos
SPOILERS ABAIXO:
Ainda em período de adaptação. Como muita coisa mudou de um ano pra cá nada mais normal do que temos um pouco mais de introdução e desenvolvimento, criando toda atmosfera necessária para um final digno e coerente.

Começamos o episódio com Spartacus tentando resolver os problemas sociais de seu povo, dando-os segurança e abrigo durante o inverno. Sendo assim, tomou para si a ideia de conquistar uma cidade cercada por muros, com duas entradas e muito mais segura do que muito dos lugares que já ficaram.

Desde o início achei que isso poderia representar a derrota dele. O humilde escravo fez questão de lembrar que os portões de traz ficam inacessíveis durante o inverno e isso claramente trancaria nossos gladiadores lá, o que em um possível ataque pode significar muita coisa.

Já dentro da cidade com o plano em ação, Spartacus pode conhecer alguns outros personagens que também farão parte da temporada e que com alguma certeza terão um mínimo destaque (Como Laeta). Porem foi junto a Crassus que nos foi apresentado Caesar, um Romano de grande linhagem que se encontra afundado em dividas. Crassus fixou nesse momento uma importante parceria para o destino da série.

Tiberius não pareceu nada satisfeito com a decisão de seu pai. Não sei exatamente como os roteiristas pretendem contar o final épico da série, mas a cada episódio me convenço mais que o jovem garoto será essencial para esse desfecho.

Por sinal não cheguei a ter certeza que Crassus daria o título ao seu filho, até cheguei a imaginar no momento em que sua “amada” escrava o indaga sobre isso, mas não acreditei que aconteceria. Sendo assim fica ainda mais evidente que o garoto pode vim a ter importância na história contada pela série.

Entendo as atitudes dos gladiadores e de Spartacus, mas tomar a cidade matando e mutilando os cidadãos não parece uma atitude justa. Claramente ficou provado durante o apedrejamento que boa parte da cidade merecia morrer, mas também ficou claro que morreram muitas pessoas de bem.

Ainda durante a invasão vale mencionar os olhares da escrava para Ganniacus, talvez seja em nome de um novo amor que o gladiador esquecerá seus dias de álcool e orgia, mas pode ser que seja apenas mais uma personagem destinada a morrer e causar a irá dele.

Para finalizar, vale comentar a última cena do episódio onde Crassus parece em frente de seu exercito. Essa cena junto com a tomada da cidade por Spartacus representa o final da introdução e o começo da ação. Logicamente que os episódios não serão vazios e preenchidos apenas por batalhas, mas com toda a certeza aquele tom introdutório dos dois primeiros episódios deve se encerrar. Agora é criar toda a tensão necessária para transformar a derrota de Spartacus por Crassus algo grandioso de se contar.

Obs.:1: Spartacus resolveu acabar com a dor do escravo que estava sendo apedrejado, digamos que a série não se cansa de criar novos tipos de mortes.  O que foi aquela pedrada rachando a cabeça do rapaz? Meu Deus.

Obs.:2: Caeser se aproveitou um tanto da escrava de Crassus, aquela mesmo que na review passada supus ter um caso com ele. Essa cena foi essencial para diferenciar Crassus e ele, já que ambos compartilham da inteligência, força e estratégia, mas se diferenciam na dignidade.

Obs.:3: Por sinal todas as ideias que tivemos nos primeiro episódio estavam certas. Tiberius e seu amigo são mais que amigos. A escrava e Crassus são mais que próximos e Spartacus está começando (aos poucos) a perde o controle de seus seguidores.

Twitter @SeriesEmFocoWebRelated Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Facebook: SériesEmFoco

Veja a promo do próximo episódio:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentário(s)
2 Comentário(s)